segunda-feira, 18 outubro 2021
InícioEsporteParadesportoPrograma do Paradesporto de Blumenau terá sua nova sede na Itoupava Norte

Programa do Paradesporto de Blumenau terá sua nova sede na Itoupava Norte

O local fica próximo do Guarani Esporte Clube e será inaugurado na manhã desta sexta-feira (1/10).

A partir desta sexta-feira (1/10/21), paratletas e profissionais do Programa do Paradesporto de Blumenau terão uma nova sede, que fica localizada na Rua Boaventura Amorim, n° 16, no bairro Itoupava Norte. A estrutura abrigou durante muitos anos a Long Life Academiae fica próxima do Guarani Esporte Clube.

O local possui uma piscina que será referência para o desenvolvimento da natação e atividades aquáticas, com o atendimento de aproximadamente 300 pessoas com deficiência, desde a natação infantil até a natação para proporcionar qualidade de vida aos adultos.

Imagem: Google Maps (Street View) Agosto de 2017

A nova sede vai abrigar a parte administrativa do Programa, contendo espaço para cinco salas que serão utilizadas para reuniões e atendimento às pessoas com deficiências. A organização das equipes de Paradesporto Escolar e de Alto Rendimento, bem como atendimento à comunidade em geral também será feito no local.

A cerimônia de inauguração contará com a presença do Secretário Nacional de Paradesporto, José Agtônio Guedes Dantas e Giselle Margot Chirolli, Diretora Nacional do Paradesporto, da Secretaria Nacional do Paradesporto, que pertence a Secretaria Especial de Esportes, vinculada ao Ministério da Cidadania.

Programa Paradesporto

O Paradesporto de Blumenau é uma realização da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Secretaria Municipal do Esporte (SME) e da Associação do Paradesporto de Blumenau (Apesblu), tendo apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro e de diversos parceiros da iniciativa privada, contribuindo para sustentabilidade do trabalho da iniciação escolar ao alto rendimento. “Esta metodologia de movimento entre todos os setores da sociedade garantem, de mãos unidas, o sucesso do Programa”, destaca Bea Zipf, diretora de Desenvolvimento do Paradesporto.

O Programa do Paradesporto Blumenau foi idealizado pela professora Giselle Margot Chirolli, atual Diretora Nacional do Paradesporto, iniciando em 2011, com 17 participantes. O projeto foi criado com o objetivo de promover a inclusão, melhorias das capacidades motoras das pessoas com deficiência, aproximando crianças, adolescentes e adultos para o convívio com o esporte e suas possibilidades.

Atualmente o programa conta com 582 paratletas inscritos em vários polos espalhados no município, com um total de 13 modalidades à disposição da comunidade. A Prefeitura de Blumenau investe cerca de R$ 2 milhões anuais no Programa.

O Programa é realizado em conjunto com a APESBLU que tem um papel fundamental no seu desenvolvimento. A APESBLU foi fundada em 2012 e é responsável por diversas ações na captação de recursos e parceiros, assim como na organização de eventos. Em 2020, por meio da parceria entre o Comitê Paralímpico Brasileiro, Prefeitura de Blumenau e Universidade Regional de Blumenau (FURB), Blumenau torna-se um dos 16 Centros de Referência Paralímpico do Brasil.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS