Imagens aéreas mostram deslizamentos em vários morros e encostas de Rio do Sul

A Defesa Civil do município atendeu até às 11h30 desta quinta-feira (17/12), cerca de 40 chamadas, a maioria foram alagamentos pontuais, além de ruas parcial ou totalmente interditadas. Duas pessoas estavam desaparecidas.

5552

 

Os Bombeiros Militares divulgaram um vídeo mostrando imagens aéreas em que aparecem várias morros e encostas com marcas de deslizamentos. O sobrevoo permitiu uma avaliação da situação para auxiliar nas tomadas de situação, principalmente aos moradores que estão em áreas de risco.

Os vídeos mostram o bairro Valada São Paulo, em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí. A Defesa Civil do município atendeu até às 11h30, cerca de 40 chamadas entre a noite de quarta e madrugada de quinta-feira (16 e 17/12/20). A principais ocorrências foram alagamentos pontuais, além de ruas parcial ou totalmente interditadas.

 

 

A Defesa Civil esteve no local fazendo levantamentos e viu algumas residências afetadas. Segundo informações, há duas pessoas desaparecidas no bairro e a passagem pela rua Prefeito Luis Adelar Soldatelli, está interditada.

Já o acesso ao município de Presidente Getúlio pela Serra do Tucano, após o bairro Itoupava, está interditado ao trânsito. O mesmo acontece nas ruas Henrique Muller (bairro Pamplona, no loteamento Jardim Alexandro), Patrício Noveletto (Ribeirão do Tigre e bairro Barra do Trombudo) além da Ladeira Joaquim Nabuco, no Centro. Já a passagem pela ponte do Ribeirão Ximbica está prestes a ser liberada.

Foram abertos quatro abrigos para receber moradores atingidos pela enxurrada:
– Salão da Igreja do bairro Santa Rita
– Salão da Comunidade Evangélica do bairro Bela Aliança
– Salão da Igreja Católica do bairro Bela Aliança
– Pavilhão do Lions Clube, no bairro Progresso