Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Homem embriagado, com som alto no carro é preso após desacatar e tentar agredir policial

 

 

 

Uma guarnição da Polícia Militar realizava rondas preventivas na noite desta quinta-feira (6/08/20) no bairro Salto do Norte, quando foi acionada às 22h30 para atender uma ocorrência de som alto na Rua Arnoldo Kirsten, em Blumenau.

No local havia um conjunto de quitinetes, e no final do pátio, estava estacionado um automóvel VW Gol 16v Sport com o som ligado em alto volume e uma pequena fresta aberta. A guarnição ligou a sirene da viatura e buzinou, mas ninguém apareceu.

Somente quando os policiais entraram no pátio, que um homem com sinais de embriaguez surgiu e questionou quem tinha autorizado a entrada dos mesmos.  Ele estava bastante alterado e foi orientado a desligar o som, mas segundo a PM, além de não obedecer, começou a ofender a guarnição chamando de “filhos da puta, porcos e policial de lixo”.

Ainda de acordo com a PM, quando um dos policiais virou de costas para verificar o aparelho de som que estava no porta-malas, o homem teria pegado um pé de cabra que estava na lateral da porta do motorista e tentou agredi-lo por trás.

O outro policial ordenou para que soltasse, mas ele novamente não obedeceu. Foi nesse momento que o policial ameaçado se virou e conseguiu segurar os braços do homem e permitir que fosse algemado, já que estava muito agressivo e não acatava as ordens.

Naquele momento apareceu uma mulher que se identificou como sua esposa e tentou impedir que fosse algemado, abraçando-o e ofendendo os policiais. Foi solicitado o apoio de outras guarnições, e ele acabou sendo imobilizado e preso.

Dentro do veículo havia duas crianças, inclusive uma recém-nascida presa na cadeirinha. A ocorrência foi registrada com fotos e vídeo, conforme procedimento padrão orientado pela Polícia Militar de Santa Catarina. O homem foi conduzido à Central da Polícia Civil para as providências legais.

 

Grupo Telegram
Grupo WhatsApp

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

*

*

Top