segunda-feira, 25 janeiro 2021
Início Geral Fiscalização da força tarefa interrompe 12 festas em casas e dispersa quatro...

Fiscalização da força tarefa interrompe 12 festas em casas e dispersa quatro aglomerações, em Blumenau

19:57

 

 

 

Neste sábado (27/06/20), segundo dia da força tarefa, organizada para coibir aglomerações em Blumenau, foram registradas 60 ocorrências. As equipes vistoriaram 27 estabelecimentos comercias – destes, foram lavrados quatro autos de intimação. Além disso, 12 festas domiciliares foram interrompidas e quatro aglomerações em locais públicos foram dispersadas. As equipes registraram ainda 13 ocorrências envolvendo estabelecimentos comerciais abertos após o horário permitido. A ação que começou na sexta-feira à noite e continua no domingo, dia 28, já registrou 127 ocorrências, lavrou 19 autos de intimação, interrompeu 14 festas em residências e dispersou seis aglomerações em locais públicos.

O objetivo é garantir o cumprimento das regras previstas no decreto nº 12.689, que impõem novas medidas restritivas de combater ao Coronavírus. Estabelecimentos como lanchonetes, food parks, adegas, cafeterias, bares, padarias, restaurantes, pizzarias, supermercados, minimercados, mercearias e conveniências de postos de gasolina estão entre os que recebem orientação e, em caso de necessidade, aplicação de medidas punitivas.

Para o coordenador da força tarefa, coronel Carlos Olimpio Menestrina, os proprietários de estabelecimentos apóiam a ação. “A maioria dos estabelecimentos comerciais tem sido compreensivos e agradecem o trabalho de orientação e fiscalização das equipes. Em alguns momentos, relatam que enfrentam problemas com alguns clientes que resistem em cumprir as medidas de segurança”, salienta.

A iniciativa é coordenada pela Secretaria de Defesa Civil (Sedeci) e envolve profissionais da Secretaria de Promoção da Saúde (Semus) e a Policia Militar. Ao todo, mais 30 profissionais atuam na operação, divididos em quatro equipes e percorrendo os bairros da cidade.

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br
 
 
 
 
 

MAIS LIDAS