sábado, 4 dezembro 2021
InícioSaúdeCoronavírusCovid-19: Blumenau registrou as mortes de dois homens nas últimas 24h, um...

Covid-19: Blumenau registrou as mortes de dois homens nas últimas 24h, um de 29 anos

Segundo o boletim do coronavírus desta quinta-feira (18/11), foram contabilizados 31 casos novos.

Infelizmente foram registradas mais duas mortes de pacientes com Covid-19 em Blumenau. Foram dois homens, um tinha 29 anos e estava internado em UTI desde o dia 6 de novembro, mas não resistiu e faleceu na quarta-feira (17/11/21). O outro era um idoso de 76 anos, que deu entrada na UTI na terça-feira (16) e morreu no dia seguinte.

As duas vítimas tinham comorbidades e agora se somam aos 671 óbitos de moradores infectados pelo coronavírus. Mesmo assim, a taxa de letalidade de Blumenau permanece como uma das mais baixas do país: 0,98%.

De acordo com o boletim divulgado pela prefeitura de Blumenau no final da tarde desta quinta-feira (18), nas últimas 24 horas foram registrados 31 casos novos, coletados 501 exames e 43 pessoas se recuperaram da doença. Atualmente a 196 pacientes em tratamento (173 em isolamento domiciliar), dos quais 26 encontram-se hospitalizados.

Os leitos ativos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) estão com a taxa de ocupação em 19,7%, com 11 pacientes de Blumenau e 2 de outras cidades. Nas enfermarias, esse percentual é de 7,3%, com um total de 13 pessoas, apenas uma que veio de outro município.

Desde o início da pandemia, já foram realizados 286067 exames, que diagnosticaram 68.461 pessoas infectadas com o coronavírus. Desse total, 98,73% (67.594) já se recuperaram.

Até o momento, as equipes de saúde já aplicaram 521.163 vacinas em Blumenau. Nas últimas 24 horas foram 187 da primeira dose, 1.850 da segunda ou única e 487 da terceira (reforço).

A cobertura vacinal chegou a 78,66% da população estimada em 366.418 habitantes (IBGE 2021). O percentual leva em conta a aplicação de 232.937 segundas doses e 20.889 da terceira. Isso também demonstra que 63,57% já estão imunizados e 4% receberam a dose de reforço.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS