Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Cervejaria do Vale do Itajaí se posiciona contrária à realização da Oktoberfest

 

 

 

Foto: Daniel Zimmermann

 

A manutenção da data da Oktoberfest 2020, inicialmente prevista para ocorrer entre os dias 7 e 25 de outubro ainda não está definida. Os cenários estão sendo avaliados pela Secretaria de Turismo de Blumenau, porém a cervejaria Hersing, uma das que venceram a licitação para participar da festa, já manifestou que, caso seja mantida a data inicial, não fará parte da Oktoberfest.

“Já investimos, estamos com o estande pago, temos 25 pessoas contratadas para a festa, mas acreditamos que, neste momento, temos que pensar na preservação das vidas”, afirma o diretor comercial da Hersing, João Carlos Zimmermann.

Ele acredita que não será possível manter os cuidados preconizados pelos órgãos de saúde diante da pandemia de Covid-19 em uma festa com um fluxo intenso de pessoas como é o caso da Oktoberfest. “Nós defendemos que é necessário reavaliar a data e realizar a festa em outro momento, quando pudermos garantir a segurança das pessoas”, acrescenta.

 

João Carlos Zimmermann, diretor comercial da Cervejaria Hersing | Foto: Jonathan Guilherme Suave

 

Participação na Oktoberfest

No ano passado, a cervejaria Hersing, cuja fábrica está localizada em Timbó, foi a novidade da Oktoberfest. A empresa fez um investimento inicial de R$ 1,2 milhão de reais para a produção dos rótulos, pesquisa e harmonização de sabores. Durante a 36a edição da festa, comercializou 15 mil litros de chope. O estande também surpreendeu o público, com a parte superior imitando uma cervejaria, com dois fermentadores e uma caldeira.

Procura por novos nichos para enfrentar a pandemia

A crise gerada pela pandemia de Coronavírus também afetou o setor cervejeiro, principalmente as cervejarias artesanais. Por isso, segundo Zimmermann, foi preciso se reinventar neste momento e buscar novos nichos de marcado. “Com a queda no consumo de chope em razão da proibição de eventos, passamos a focar na venda das cervejas em garrafa long neck, principalmente para os minimercados. No mês de abril conseguimos faturar sete vez mais que em janeiro com esses produtos. Assim, também abrimos uma nova carteira de clientes, pulverizando a nossa abrangência”, comenta. O sucesso foi tanto que a empresa já planeja lançar uma linha mais popular para atender a essa nova demanda.

 

Sobre a Cervejaria Hersing

Criada em 2012 a partir de uma ideia familiar, inicialmente, o objetivo da cervejaria era comemorar os momentos felizes em família. Porém, depois de notar o potencial da água da montanha que tinha ao redor do sítio em que passavam o seu tempo livre, a família começou a produzir cervejas de alta qualidade, sem foco no preço, mas, sim, na satisfação do consumidor.

Em 2017, para atender as expectativas do mercado cervejeiro, a família buscou um mestre cervejeiro alemão, já que sabiam da alta qualidade que poderiam atingir. Usando ingredientes diretamente da Alemanha, a cervejaria Hersing alcança um produto puramente artesanal, com apenas água e grãos europeus.

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top