domingo, 17 janeiro 2021
- Propaganda -
Início Geral Carlos Moisés é absolvido no processo de impeachment e retorna ao cargo...

Carlos Moisés é absolvido no processo de impeachment e retorna ao cargo de governador

02:50

 

 

 

Foto: Daniel Conzi / Agência AL

 

Com seis votos contra o impeachment, três a favor e uma abstenção, o Tribunal Especial de Julgamento absolveu Carlos Moisés da Silva (PSL), do crime de responsabilidade no caso do aumento salarial dado aos procuradores do estado. Com isso, ele retorna ao cargo de governador de Santa Catarina.

O julgamento que ocorreu no plenário da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) e terminou às 14h19 desta sexta-feira (27/11/20). Foram aproximadamente 5 horas, em que desembarcadores e deputados defenderam os seus votos.

Votaram a favor do impeachment o desembargador Luiz Felipe Siegert Schuch e os deputados Kennedy Nunes(PSD) e Sargento Lima (PSL).  O que chama a atenção é o deputado do seu próprio partido votar contra, mostrando a falta de união no PSL.

Esse foi primeiro o pedido de impeachment que afastou Moisés do cargo de governador desde 27 de outubro. Às 17h ele irá fazer uma entrevista coletiva para falar sobre o retorno ao governo.

Confira quem votou a favor e contra o impeachment:

Desembargadores/as

  • Cláudia Lambert – contra
  • Rubens Schulz – contra
  • Sérgio Rizelo – contra
  • Carlos Alberto Civinski – contra
  • Luiz Felipe Siegert Schuch – a favor

Deputados

  • Kennedy Nunes (PSD) – a favor
  • Laércio Schuster (PSB) – contra
  • Luiz Fernando Vampiro (MDB) – abstenção
  • Maurício Eskudlark (PL) – contra
  • Sargento Lima (PSL) – a favor

 

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br
- Propaganda -  
 
 
 
 

MAIS LIDAS

Vídeo: rio Itajaí-Açu passa dos 5 metros e ameaça carro estacionado no Centro de Blumenau

Com isso chega ao nível de atenção. Desde a zero hora até às 13h desta quinta-feira (17/12) o volume de água dobrou.

Jovem de 25 anos morre afogado no rio Encano, em Indaial (SC)

Os Bombeiros Voluntários foram acionados às 16h19 desta sexta-feira (25/12) e chegaram a levá-lo ao hospital, mas ele não resistiu.

Mais de 10 corpos foram resgatados sem vida na tragédia de Presidente Getúlio (SC)

Um deles é de uma criança com idade entre 4 e 5 anos. As vítimas estavam entre escombros após serem levadas pela correnteza durante a enxurrada.

Portaria fixa novas regras para pagamento de pensões por morte

Medida define os períodos de término do benefício de acordo com a idade.