Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Após perseguição de Blumenau à Gaspar, suspeito de roubar carro é finalmente preso

 

 

 

 

Fotos: Polícia Civil de Blumenau

Um homem de 30 anos foi preso preventivamente por volta das 16h desta terça-feira (7/10/20). Ele é um dos suspeitos de ter assaltado um morador na Rua Magnol, no bairro Itoupava Norte, que fica atrás do Shopping Park Europeu.

O crime aconteceu no final da manhã do dia 30 de setembro, quando a vítima foi abordada por dois criminosos enquanto estacionava a sua caminhonete Ford Ranger. Os bandidos roubaram e fugiram com o veículo.

Durante a investigação da Polícia Civil, foi identificado que um automóvel Honda Civic com placas de Içara (SC) teria sido usado pelos assaltantes na fuga. Ontem (6), agentes da DIC (Divisão de Investigação Criminal) viram o veículo transitando pela Rua Amazonas, no bairro Garcia, e iniciaram o acompanhamento até chegaram próximo ao Mercado Top, já em Gaspar (SC).

O motorista só percebeu que estava sendo seguido quando chegou na rodovia Jorge Lacerda, momento em fugiu em alta velocidade. Após 10 minutos de perseguição, o bandido deu a marcha ré e jogar o seu veículo contra a viatura, danificando-a na parte da frente.

A manobra deu certo, e os policiais perderam ele de vista. Foi solicitado o apoio da Polícia Militar, que localizou o suspeito andando em uma rua na companhia dos filhos de 7 e 3 anos. Ao ser questionado, ele tentou despistar os policiais, mas acabou admitindo que tinha abandonado o veículo Honda Civic nas imediações. Testemunhas confirmaram terem visto o carro que estava danificado.

A DIC foi informada e agentes foram até a residência do homem na região da Rua Araranguá, onde foi encontrado um revólver calibre 38 com numeração raspada. Também havia um simulacro de arma, que a Polícia Civil acredita ter sido usada no assalto.

O homem foi preso em flagrante pelo crime de dano ao patrimônio público ao colidir contra a viatura e posse ilegal de arma de fogo. Além disso, ele irá responder ao inquérito pelo assalto, acrescentando ainda mais a sua já extensa ficha criminal. Ele inclusive já ficou preso por seis anos após ser condenado pelos crimes de tentativa de homicídio e roubo. Faz cerca de três meses que tinha sido colocado em liberdade e novamente ameaçou a sociedade. E essas nossas leis?

 

 

Grupo Telegram
Grupo WhatsApp

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top