quinta-feira, 9 dezembro 2021
InícioEconomiaVenda do Parque Beto Carrero pode estar sendo negociada para rede de...

Venda do Parque Beto Carrero pode estar sendo negociada para rede de lanchonetes por R$ 1 bilhão, diz revista

 

 

 

Se tem uma coisa que dá orgulho aos catarinenses é ter em seu território a sede do Parque Beto Carrero World. Foi no município de Penha que o empresário Sérgio Murad apostou no seu sonho, e durante a construção, andava muito por Blumenau. Onze anos depois de sua morte, tem mudanças vindo que decidirão o destino do maior parque temático da América Latina.

A revista Exame publicou uma matéria ao meio dia desta quinta-feira (8/08/19), informando que a rede de lanchonetes Madero está negociando a compra do complexo de entretenimento. A operação estaria estimada em R$ 1 bilhão e poderia ser concluída ainda em Agosto. Em janeiro, o Madero recebeu um aporte de R$ 700 milhões do fundo de private equity Carlyle, que ficou com 23,3% da participação da hamburgueria, avaliada em R$ 3 bilhões na época.

O crescimento de dois dígitos nos últimos quatro anos do Beto Carrero, mesmo em época de crise, já vinha chamando a atenção do próprio Carlyle. Os executivos responsáveis pela negociação disputam o parque junto com o fundo de investimentos Advent. Somente em 2018, os ganhos operacionais do parque chegaram a R$ 120 milhões.

Ainda segundo a mesma matéria,  Rogério Siqueira, presidente do Beto Carrero, teria dito em uma entrevista concedida à revista, que abriria o capital do empreendimento quando os ganhos anuais atingissem entre R$ 150 milhões e R$ 200 milhões. Segundo a Exame, o parque teria realizado um empréstimo de R$ 50 milhões junto ao BNDES para agilizar esse processo.

Mas a assessoria de imprensa do Beto Carrero enviou uma nota na manhã de sexta-feira (9) dizendo “Esta é uma informação improcedente e sem fundamento. Não há previsão de qualquer andamento neste sentido”.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS