domingo, 9 maio 2021
Início Eventos Um dia para entrar na história dos catarinenses

Um dia para entrar na história dos catarinenses

 

 

 

 

Texto e fotos de João Paulo Taumaturgo

O dia 30 de Dezembro de 2019 entra para história de Santa Catarina como o dia em que a Ponte Hercílio Luz foi reaberta a comunidade.

Passava um pouco das 10h quando iniciou o evento na cabeceira da ponte ligada a Ilha da Magia. No céu um sol de rachar fazia com que a Ponte brilhasse ainda mais, trazendo aquele calor que deixa o dia mais alegre.

 

 

No palanque diversas autoridades se vangloriavam do momento que estavam celebrando. Foram 28 anos entre o fechamento total e a reabertura da estrutura que foi a primeira ponte a ligar Ilha e Continente.

Inaugurada em 1926 a Ponte Hercílio Luz inicialmente se chamaria Ponte da Independência. O nome foi alterado em homenagem ao seu idealizador e ex-governador que veio a falecer 2 anos antes do fim das obras.

 

 

São 821m de cumprimento total, 74 metros de altura com um vão livre central de 339 metros. Uma gigante que virou ícone do estado de Santa Catarina.

Contam por aí que no mundo todo foram construídas um total de 5 pontes baseadas no mesmo projetos, dentre eles a Hercílio Luz. Das cinco construídas, apenas a que está em terras tupiniquins continua de pé.

 

 

Além de símbolo do estado, também gera polêmicas, isso por conta dos altos custos necessários para sua reforma. Dados da CPI formada na Assembleia Legislativa do Estado apontam que foram necessários quase R$700 milhões para sua reforma. A título de comparação, a famosa Ponte do Centro de Blumenau tem custo estimado na casa dos R$25 milhões. Inevitável questionar-se: Valeu a pena?

Porém, hoje o ponto não é mais esse. O dinheiro foi gasto e agora ela já está livre e desimpedida para uso. A projeção do governo do estado é que a Ponte de torne um verdadeiro equipamento turístico, considerando sua praça e parque que ficam no acesso. A ideia da prefeitura de Florianópolis é que num primeiro momento ela sirva pedestres e transporte coletivo.

Com o tempo a gente vê como isso vai ficar. Agora é curtir a “Velha Senhora” que passou por cirurgias e parece mais nova que nunca.

 

Avatar
João Paulo Taumaturgohttps://www.facebook.com/amoblumenau
De formação administrador, mas comunicador por paixão. Procuro trazer pontos de vista sobre os mais variados assuntos. Amo Blumenau.

MAIS LIDAS