sábado, 27 novembro 2021
InícioGeralR$ 20 milhões para 21 obras em Blumenau

R$ 20 milhões para 21 obras em Blumenau

Reunião obras 06.02.14 02

A Prefeitura de Blumenau assina nesta quinta-feira, dia 6, contrato de financiamento de R$ 20 milhões junto ao Banco de Desenvolvimento do Estado de Santa Catarina (Badesc) no programa Juro Zero. Os recursos serão investidos em 21 importantes obras que incluem construção e recuperação de pontes, pavimentação de vias e implantação de rotatórias e trevos.

Reunião obras 06.02.14 01

É um pacote de obras que privilegiarão a mobilidade urbana e atenderão antigos pleitos da comunidade. “As obras estão licitadas e serão implementadas gradativamente”, explicou o secretário de Obras Paulo França. O prefeito Napoleão Bernardes lembrou que este é o terceiro contrato de captação de recursos de grande vulto assinado este ano, o que impulsionará obras importantes no município.

As 21 obras previstas neste pacote de R$ 20 milhões espalham-se pelas várias regiões de Blumenau.
  • As construções de duas pontes acontecerão nas ruas Wigand Zindars, no Distrito de Vila Itoupava, e Emil Wehmuth, localizada no bairro Velha Grande;
  • Duas conhecidas pontes serão recuperadas: a Desembargador Pedro Silva, na rua XV de Novembro, próximo à Fundação Cultural, e a ponte José Ferreira da Silva, no Anel Viário Norte;
  • Rotatórias serão implantadas na rua das Missões, bairro Ponta Aguda, rua Caçadores, na Velha, e rua Progresso, na região do Grande Garcia. Com pavimentação serão beneficiadas as comunidades das ruas Franz Muller (Velha Grande), Erwin Manzke e Saxônia (Vila Itoupava), Theodoro Pasold e Professor Hermann Lange (Fidélis), Jordão (Progresso), Norberto Seara Heusi (Escola Agrícola), Irapuru (Glória), Arnoldo Jensen (Itoupava Central), ruas Peda Reinlein e Olga Krutzsch (Itoupava Norte) e rua August Reinhold (Nova Esperança), além das marginais da Via Expressa.
Margem Esquerda

Na mesma oportunidade foi assinada a Ordem de Serviço (OS) para acompanhamento e fiscalização técnica das obras da margem esquerda, paralisadas há cinco meses por determinação judicial. À época faltavam 16 semanas de dias efetivamente trabalhados para entregar a primeira etapa, que é o enrocamento para contenção das terras que margeiam o rio, no centro da cidade. Após a assinatura desta OS, a empresa fiscalizadora passa a tomar ciência do atual estágio da obra para que, em seguida, a empresa que efetua os serviços possa voltar aos trabalhos propriamente ditos. O enrocamento é uma obra que visa garantir segurança à comunidade.

via PMB | Texto: Fabrício Wolff

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS