terça-feira, 30 novembro 2021
InícioEconomiaPesque e Pague exige monitoramento da qualidade da lagoa e dos peixes

Pesque e Pague exige monitoramento da qualidade da lagoa e dos peixes

Pesque-Pague-Schmidt_01

No Complexo Schmitt o pescado consumido no restaurante da Das Bier passa por avaliação com sistema online moderno

GASPAR (SC) – Ao contrário do que se pensa, um pesque e pague não é apenas um local cheio de lagoas onde as pessoas pescam para se divertir. A maioria dos peixes retirados das lagoas vai para a mesa do pescador e de toda a família, por isso, é preciso que ele seja monitorado e saudável. No Complexo Schmitt, existem 16 lagoas que são avaliadas mensalmente, e através de uma biometria pode-se avaliar o peso dos peixes por amostragem. Tudo isso ajuda a melhorar o controle da produtividade dos peixes que são usados na preparação dos pratos no restaurante da Das Bier.

Desde junho deste ano todo esse processo é feito por meio de um sistema de gestão empresarial. O Planejamento de Recursos da Empresa (ERP) está em fase de testes e já apresenta resultados positivos como agilidade nos processos que antes eram feitos em planilhas manuais. “Com o sistema possuímos um controle mais eficiente do armazenamento de dados e principalmente no tempo utilizado para filtrar estas informações”, explica Leandro Schmitt, gerente de Produção da Das Bier e um dos responsáveis pela implantação do sistema.

Pesque-Pague-Schmidt_02

O programa, criado com tecnologia da FileMaker, subsidiária da Apple, funciona a partir do cadastro da quantidade de alevinos, filhotes de peixes, colocados na lagoa. Todos os meses, o sistema avalia o crescimento, levando em conta a despesca, que é quando o peixe alcança o tamanho ideal para consumo e filetação. Os dados mostram o peso em que os peixes se encontram, consumo de ração, custos de manutenção, energia elétrica e mão de obra, assim como a quantidade de filés que podem ser extraídos. “Com esses dados é possível avaliar periodicamente os custos de produção e a produtividade”, acrescenta Leandro. A utilização do sistema recebe consultoria e treinamento da Epagri que possibilita a construção de planilhas de controle que viabilizaram o sistema.

Texto: Slain Franco

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS