terça-feira, 13 abril 2021
Início Geral Ministério Público manda suspender as atividades na Comissão Central Organizadora do JASC

Ministério Público manda suspender as atividades na Comissão Central Organizadora do JASC

Oficial de Justiça (dir.) entrega liminar a membro da organização dos Jasc. Foto Flávio Tin/ND

Todas as atividades que estejam sendo executadas dentro do pavilhão devem ser suspensas, sob pena de multa diária de de R$ 100 mil aos envolvidos, inclusive à empresa MG1 Sports Ltda. Se a decisão que partiu do juiz Edson Marcos de Mendonça , da Vara da fazenda Pública da Comarca de Blumenau, que julgou e deferiu o novo pedido de liminar do Ministério Público (MP)  for descumprida, pode ser decretada prisão em flagrante pelo crime de desobediência.

A Comissão Central Organizadora (CCO) dos 53º Jogos abertos de Santa Catarina (Jasc) está montada no Setor 3 da Vila Germânica. Espero que o caso fique bem esclarecido, porque se houver irregularidades, não deixaremos uma boa imagem de  Blumenau como sede dos jogos.

Entenda um pouco:

Houve uma licitação para a contratação de uma empresa dos serviços de planejamento, organização, coordenação e execução com viabilização de infraestrutura e fornecimento de materiais necessários para montagem da Comissão Central Organizadora dos 53º JASC.

Com três participantes, a licitação foi revogada. Mas, um dia antes da abertura dos jogos, apenas a MG1 Sports participou, o que segundo o juiz, mostra que a licitação teria sido dirigida para ela, já que  teria começado a montagem antes do resultado do pleito. A empresa pertence ao o ex-atleta olímpico e ex-presidente da Fundação Municipal de Desportos de Blumenau Marcelo Greuel.

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS