sábado, 23 outubro 2021
InícioGeralHomem destrói parcialmente loja de operadora telefônica com marreta

Homem destrói parcialmente loja de operadora telefônica com marreta

cliente-marreta_loja-telefonia_01

Fotos: enviadas via WhatsApp

Rio de Janeiro (RJ) – Nesta segunda-feira (27) um cliente foi até a loja de que uma operadora de telefonia na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro/RJ. De acordo com o site G1, ele queria cancelar seu plano, mas não conseguiu.

Inconformado com a situação e extremamente irritado, ele saiu da loja e voltou momentos mais tarde com uma marreta. Ele utilizou a ferramenta para destruir a vitrine de vidro e parcialmente a loja, mas não feriu nenhum colaborador ou cliente.

De acordo com a Polícia Militar, quando a guarnição chegou ao local para atender a ocorrência, o homem tinha ido embora. O site informou, que o gerente da loja não quis acompanhar os policiais até a delegacia.

Mais tarde, a operadora Nextel emitiu uma nota informando que está levantando os prejuízos financeiros e avaliará eventuais medidas que o caso  deve comportar.

cliente-marreta_loja-telefonia_02

Infelizmente as operadoras de telefonia no Brasil desrespeitam seus clientes na hora de cancelar ou resolver problemas, principalmente através do atendimento telefônico. Faltam punições e fiscalização dos órgãos reguladores do governo, que mudem o comportamento das empresas. É muito difícil ouvir elogios e que os problemas são rapidamente resolvidos.

O que aconteceu nessa loja do Rio de Janeiro/RJ foi um excesso e poderia terminar com alguém ferido. Mas é o reflexo de uma sociedade cada vez mais estressada, que pode terminar em situações ainda piores. Imaginem se em vez da marreta fosse um arma de fogo?

Fonte: G1

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS