terça-feira, 27 julho 2021
InícioEventosOktoberfestEstudo da Furb apura se os blumenauenses sentem falta da Oktoberfest

Estudo da Furb apura se os blumenauenses sentem falta da Oktoberfest

A não realização da festa no ano de 2020, afetou seis em cada dez entrevistados pelo Projeto Focus.

O Projeto Focus da Universidade Regional de Blumenau (FURB), que desde 2003 produz diversas pesquisas relevantes para a região, realizou neste primeiro semestre de 2021, um estudo para apurar se os blumenauenses sentem falta da Oktoberfest. A tradicional festa não foi realizada no ano de 2020, pela primeira vez desde 1984, em função da pandemia.

No questionário, enviado através do WhatsApp, foram apuradas e verificadas informações acerca do risco percebido pelos cidadãos sobre o recebimento de turistas na cidade durante a pandemia, sobre a identidade germânica e cultural da população, comparando também com estudos anteriores do Focus, e a imagem das pessoas sobre a Oktoberfest.

Quando questionado se “sentiu falta da Oktoberfest e de tudo que ela representa”, 63% das pessoas responderam que sim. A não realização da festa no ano de 2020, afetou seis em cada dez blumenauenses entrevistados pelo Projeto Focus.

Na questão econômica, a Oktoberfest tem um grande impacto na cidade, e não apenas no setor turístico. A pesquisa apurou que 72% das pessoas concordam que a festa é importante para aquecer a economia local, e 20% concordaram em parte. No total, 92% dos entrevistados percebem a importância econômica da Oktoberfest.

Ao longo de mais de um ano de pandemia, as opiniões dos blumenauenses sobre a festa mudou. Em estudo realizado ainda em 2020, pelo Projeto Focus, a não realização da Oktoberfest era uma das últimas preocupações dos blumenauenses frente ao cenário de crise. Atualmente, já é possível perceber que a festa alemã, que proporciona tanta alegria e lazer, faz falta para parte dos cidadãos de Blumenau.

Cynthia Boos de Quadros, coordenadora do Projeto Focus, explica que com os resultados do estudo foi possível perceber “esse dilema que a gente vive, de querer algo, de sentir falta de algo, mas ao mesmo tempo se sentir receoso com as possibilidades, então as pessoas querem a festa, mas também tem medo”.

O Projeto Focus apurou que cerca de 80% dos entrevistados concordam em parte ou totalmente que a festa é uma importante fonte de lazer. Além disso, 86% concordam em parte ou totalmente que a Oktoberfest é um cartão de visitas das tradições germânicas da região de Blumenau. Segundo o estudo, mais da metade dos entrevistados afirmam que a realização da festa contribui para a sua felicidade no mês de outubro.

Metodologia

A pesquisa desde semestre do Projeto Focus foi realizada de forma virtual, através de questionário enviado por WhatsApp, que com a pandemia e a inviabilidade de realizar pesquisas presenciais, vêm se consolidando como uma forma de coleta eficiente. “As pessoas cada vez mais estão vivendo a partir dessa rede social, ela é muito democrática, e ela neutraliza outros problemas que pesquisas de coleta de dados na rua apresentam, como a questão do tempo, disponibilidade e interesse das pessoas em responder uma pesquisa presencial. Desta forma virtual as pessoas conseguem administrar melhor o tempo que elas têm ao responder o questionário”, explica a coordenadora do Focus.

Com a pesquisa sendo realizada através de questionários pelo WhatsApp o Projeto Focus conseguiu um controle amostral mais diversificado em relação ao sexo, faixa etária, grau de instrução, renda e região de moradia dos entrevistados. A pesquisa inicial desta edição contou com 1.022 questionários válidos e 600 deles foram validados para que a amostra analisada fosse proporcional nos diferentes perfis representados na pesquisa, garantindo a confiabilidade dos dados.

Por Isabella Cremer da Central Multimídia de Conteúdo e Jornalismo da Universidade Regional de Blumenau (FURB).

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS