terça-feira, 19 janeiro 2021
- Propaganda -
Início Economia Correios lançam modalidade de entrega com lockers, os armários inteligentes
- Propaganda -

Correios lançam modalidade de entrega com lockers, os armários inteligentes

Os terminais serão instalados em locais estratégicos, seguros e de grande circulação de pessoas, como estações de trens, metrôs e shoppings.

10:51

Uma nova modalidade de entregas foi lançada nesta quarta-feira (30/12/20) pelos Correios. São os lockers, armários inteligentes que agregam conveniência e segurança na hora de receber encomendas, principalmente para pessoas que se encontram ausentes no endereço de destino durante o dia. Também é o caso daqueles que residem em área com alguma restrição de entrega ou que moram em condomínios sem porteiro.

Os terminais serão instalados em locais estratégicos, seguros e de grande circulação de pessoas – como estações de trens, metrôs e shoppings-, e permitem a retirada dos objetos em horário estendido, inclusive em finais de semana e feriados. A entrega é praticamente 24 horas por dia, 7 dias por semana, a depender do horário de funcionamento do local onde o terminal está instalado.

Não haverá nenhum custo adicional para ter acesso à nova modalidade, mas será preciso cadastrar um idCorreios no aplicativo dos Correios para celular. A partir daí, quando for efetuar uma compra online por exemplo, o consumidor poderá solicitar que a encomenda seja entregue em um dos armários inteligentes.

Basta que, no momento de escolher o endereço de destino, coloque o CEP do locker e, no campo “complemento do endereço”, digite o CPF ou o CNPJ cadastrado no aplicativo. Cada locker tem no mínimo 40 gavetas de tamanhos variados: pequeno, médio e grande.

O mesmo poderá ser feito para entregas não comerciais. Nesse caso, no balcão de atendimento de qualquer agência dos correios, o remetente deverá informar como destino o CEP do locker e registrar como complemento do endereço o CPF e CNPJ do destinatário. As entregas deverão ser efetuadas via PAC ou Sedex. O tamanho da embalagem ou do pacote também precisará ser compatível com o espaço disponível na gaveta do locker.

Quando o objeto chegar ao destino, o usuário receberá um aviso em seu celular. Deverá assim se dirigir ao local escolhido e conseguirá destravar a gaveta do armário inteligente através da tecnologia de QR Code ou usando um código numérico disponibilizado pelo aplicativo.

O primeiro armário foi lançado em outubro no Paranoá, região administrativa do Distrito Federal e agora o estado do Rio de Janeiro dispõe de três novos equipamentos na região metropolitana, sendo dois na capital fluminense e um em Niterói.

Até o final do primeiro semestre de 2021, os Correios vislumbram operar 53 lockers no estado do Rio de Janeiro e dez no Distrito Federal. O projeto será expandido para os principais mercados no país e com mais recursos para a população, como, por exemplo, a postagem de objetos através dos equipamentos, inclusive para devolução de encomendas por logística reversa.

 “O que queremos é entregar uma experiência que seja a melhor possível ao cliente. A empresa está atenta às tendências mundiais, ao que há de mais avançado em termos de logística, incorporando as novas tecnologias às suas operações e ao seu portfólio de produtos e serviços. Os armários inteligentes são a materialização da promessa de oferecer praticidade, conveniência e segurança”, afirma Floriano Peixoto, presidente dos Correios.

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br
- Propaganda -  
 
 
 
 

MAIS LIDAS

Vídeo: rio Itajaí-Açu passa dos 5 metros e ameaça carro estacionado no Centro de Blumenau

Com isso chega ao nível de atenção. Desde a zero hora até às 13h desta quinta-feira (17/12) o volume de água dobrou.

Jovem de 25 anos morre afogado no rio Encano, em Indaial (SC)

Os Bombeiros Voluntários foram acionados às 16h19 desta sexta-feira (25/12) e chegaram a levá-lo ao hospital, mas ele não resistiu.

Mais de 10 corpos foram resgatados sem vida na tragédia de Presidente Getúlio (SC)

Um deles é de uma criança com idade entre 4 e 5 anos. As vítimas estavam entre escombros após serem levadas pela correnteza durante a enxurrada.

Portaria fixa novas regras para pagamento de pensões por morte

Medida define os períodos de término do benefício de acordo com a idade.