domingo, 9 maio 2021
Início Economia Como ganhar dinheiro com o Bitcoin e os riscos com as criptomoedas

Como ganhar dinheiro com o Bitcoin e os riscos com as criptomoedas

 

Por Karin Bendhein

As criptomoedas, moedas virtuais que utilizam criptografia, têm se tornado cada vez mais negociadas no mercado financeiro e atraído milhares de pessoas que desejam investir e ter retornos mais interessantes. Elas já são negociadas desde 2009 e a mais conhecida é o Bitcoin, que ficou famoso no mundo inteiro pela supervalorização. Atualmente, apenas um Bitcoin equivale a US$ 6.000 ou, no Brasil, aproximadamente R$ 20.000,00. No mundo, já são mais de 1070 moedas negociadas todos os dias.

Para alguns analistas este é apenas o início da valorização moeda, que deve alcançar os US$ 100 mil nos próximos anos. Outros, mais céticos, acreditam que pode haver uma bolha no valor do Bitcoin. Para o especialista em Finanças, Investimentos & Banking e sócio da Sherpa Wealth Guides, Luiz Eichstaedt, é difícil mensurar o potencial de valorização ou valor justo do Bitcoin.

“É uma questão de demanda dos investidores e aceitação como forma de pagamento. É inegável o potencial de transformação tecnológico. Assim como o Bitcoin, existem outras moedas com propostas muito interessantes e merecem ser analisadas como investimento”, destaca Eichstaedt.

Entretanto, devido aos retornos altos e rápidos que o Bitcoin traz, há quem esteja se aproveitando desse momento para extorquir pessoas menos informadas. Rafael Lehmkuhl, que também é sócio da Sherpa e há nove anos atua no mercado financeiro, lembra que já encontrou cartazes em Blumenau convidando pessoas a se juntarem a essa nova onda do Bitcoin. “Infelizmente pessoas de má índole estão usufruindo da fama do Bitcoin para enganar outras. Na verdade, essas pessoas acabam entrando nas chamadas pirâmides financeiras, que são proibidas, como ocorreu com a Multiclick e TelexFree”, explica Lehmkuhl.

O advogado Rafael Boskovic lembra que, recentemente, a Polícia Civil desarticulou uma quadrilha que agia no Distrito Federal e em Goiás utilizando supostas moedas virtuais para enganar mais de 40 mil pessoas e arrecadar cerca de R$250 milhões. Segundo Boskovic, o investimento em moedas virtuais demanda uma análise detalhada e criteriosa a respeito dos ativos em que se pretende investir.

“É preciso estar sempre atento e desconfiar de promessas de dinheiro rápido e fácil. Golpistas normalmente são vendedores habilidosos e se passam por pessoas sérias e muito bem sucedidas, ostentando uma vida de elevado padrão de luxo. Na dúvida, o ideal é não colocar seu dinheiro,” alerta Boskovic.

Recentemente, o próprio presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, durante um evento em São Paulo, alertou para risco de formações de pirâmides financeiras por meio de criptomoedas, especialmente o Bitcoin. Lehmkuhl destaca que o ideal é sempre buscar se informar com empresas de confiança e com profissionais que já atuam no mercado e possam comprovar resultados.

Como investir em Bitcoin com segurança

Visando ensinar as pessoas que têm interesse em investir no mercado das criptomoedas, que para muitos ainda é uma novidade, a Sherpa Wealth Guides está oferecendo o curso “Bitcoin e o mundo das criptomoedas”. No treinamento será abordado: O que são criptomoedas; O Mercado de cripto; Comprando criptomoedas no Brasil; Comprando criptomoedas fora do Brasil; Wallets: armazenar de forma segura; Imposto de renda sobre criptomoedas e ICO: InitialCoinOfferings

O curso terá oito horas de duração e é totalmente presencial. Durante as aulas os alunos podem levar o próprio notebook, onde irão fazer contas nas corretoras e aprenderão a operar no sistema. Os participantes ganham um e-book.O curso é realizado em dias e horários conforme a demanda.

As aulas serão ministradas por Luiz Eichstaedt, que é pós-graduando em Finanças, Investimentos & Banking (PUC-RS) e possui Certificação de Especialista em Investimentos (CEA) ANBIMA. Eichstaedt também é consultor de valores mobiliários e há 10 anos de atua no mercado financeiro.

Para mais informações você pode entrar em contato pelo e-mail contato@sherpawg.com.br ou pelo fone (47) 3212-6777.

 

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS