sábado, 27 novembro 2021
InícioEconomiaComércio e residências pagarão mais caro pelo Gás Natural em Santa Catarina

Comércio e residências pagarão mais caro pelo Gás Natural em Santa Catarina

 

 

 

Depois de anunciar que haveria um reajuste médio de -0,31% no preço da tarifa de gás natural em julho, a SCGás divulgou como ele será aplicado em cada segmento. A verdade é que apenas nas contas das indústrias (-0,31%) e dos consumidores automotivos (-0,57%) vai ter baixa. Nos segmentos comercial (+2,22%) e residencial (+3,32%) os reajustes serão para mais.

Os novos valores passam a valer no dia 24, com base nas resoluções publicadas na semana passada pela Agência Reguladora de Serviços Públicos de Santa Catarina (Aresc). A tarifa de gás natural é atualizada semestralmente pela Aresc por meio da conta gráfica, mecanismo que acompanha as movimentações do custo do gás (dólar e petróleo) para justificar o seu repasse integral.

  • Automotivo: -0,57%
  • Industrial: -0,31%
  • Comercial: +2,22%
  • Residencial: +3,32%

Segundo a SCGÁS, a concessionária pratica a menor tarifa de gás natural do país, sendo até 40% inferior no principal segmento de consumo em comparação com a de outros Estados da Federação. As informações foram divulgadas à imprensa no final da tarde desta terça-feira (2/07/19).

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS