quinta-feira, 20 janeiro 2022
InícioGeralCirurgião dentista blumenauense recebe premiação neste sábado (27) no Canadá

Cirurgião dentista blumenauense recebe premiação neste sábado (27) no Canadá

 

 

O próximo sábado (27/10/18) será especial para o coordenador do curso de Odontologia da UniSociesc Blumenau, o professor doutor Guenther Schuldt Filho. Durante o Congresso da Academia Americana de Periodontia, em Vancouver, no Canadá, ele e outro professor receberão um prêmio pelo artigo “Indicadores de Risco da Peri-implantite”, publicado na revista Clinical Oral Implants Research, a mais importante publicação científica na área da Implantodontia.

Escrito junto com o professor de Odontologia da UFSC, Marco Aurélio Bianchini, que irá acompanhá-lo, o artigo também tem colaboração dos professores Stefan Renvert (Universidade de Kristianstadt, Suécia), Mônica Abreu Rodrigues (Unip) e Haline Renata Dalago (UFSC). No estudo, foram analisados 916 implantes, com 98,3% de índice de sucesso. Todos os dados foram coletados na USP de São Paulo em 2013.

No trabalho, os pesquisadores descobriram que pacientes que utilizam implantes e que possuem histórico de doença periodontal têm mais chances de desenvolverem a peri-implantite, um processo inflamatório destrutivo que afeta tanto o tecido mole (gengiva) quanto o tecido duro (osso) ao redor de um implante dentário. Em casos mais avançados da doença, o paciente pode vir a perder o implante. Também descobriram que pacientes com prótese total e próteses cimentadas têm mais riscos de desenvolver a peri-implantite.

O professor Guenther disse que sabia que o trabalho publicado por ele e seus colegas era de extrema relevância, no entanto, ficou surpreso ao receber a notícia sobre a premiação. “A receptividade do nosso trabalho, com uma premiação desse nível, o mais alto no nosso campo de estudos, foi uma grata surpresa para todos os envolvidos. Sabíamos que o trabalho era relevante, mas não a esse ponto. Ficamos muito felizes, e esse reconhecimento certamente estimula que continuemos as nossas pesquisas. Agradeço muito à empresa Implacil De Bortoli, que nos abriu as portas da USP/São Paulo para a coleta dos dados”, afirmou.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS