quarta-feira, 27 outubro 2021
InícioSaúdeCoronavírusBlumenau tem 257 casos novos de Covid-19 e 100% das UTIs ocupadas

Blumenau tem 257 casos novos de Covid-19 e 100% das UTIs ocupadas

Nesta quinta-feira (4/03) foram confirmadas duas mortes. Atualmente há 1.952 pessoas infectadas e 149 pacientes hospitalizados.

De acordo com os dados divulgados pela Prefeitura de Blumenau, nesta quinta-feira (4/03/21) foram realizados 885 testes e confirmados 257 casos positivos de Covid-19. Nas últimas 24 horas, 170 pacientes se recuperaram da doença e 15 iniciaram o tratamento. Hoje também foram vacinadas 205 pessoas, totalizando 19.933 imunizações contra o coronavírus.

Infelizmente, também foram contabilizados mais dois óbitos, e agora o total de moradores que perderam a vida infectados com o SARS-COV-2 chegou a 335. Uma das vítimas é um homem de 87 anos que morreu ontem (3) e ficou internado na UTI por 3 dias. A outra vítima tinha 51 anos, é uma mulher, e estava internada na UTI desde o dia 12 de janeiro. Os dois tinham comorbidades.

Desde o início da pandemia já foram registrados 42.651diagnósticos positivos para a Covid-19 e realizados 140.993 testes. Desse total, 40.364 se recuperaram da doença, mas ainda há 1.952 em tratamento, dos quais 1867 estão em isolamento domiciliar.

Nos hospitais da cidade, há 149 pacientes, entre confirmados e suspeitos de estarem infectados com o SARS-COV-2. Desse total, 66 pacientes ocupam todas as unidades de UTI ativas, 42 deles são de Blumenau e 24 da região ou do estado. A situação nas enfermarias é de 83 pacientes internados, dos quais 69 moram em Blumenau, enquanto 14 vêm de outras cidades, deixando a taxa de ocupação em 46,9%.

Os prontos-socorros dos hospitais atenderam 358 pessoas, 78 delas apresentavam síndromes gripais. As Centrais de Atendimento Rápido Covid-19, instaladas em anexos nos Ambulatórios Gerais, no Hospital Universitário da Furb, e no setor 3 do Parque Vila Germânica, fizeram 755 atendimentos e 514 coletas para exame RT-PCR e antígeno.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS