terça-feira, 18 janeiro 2022
InícioAcidenteAcidentes em quatro bairros de Blumenau deixam várias pessoas feridas

Acidentes em quatro bairros de Blumenau deixam várias pessoas feridas

 

Quatro pessoas ficaram feridas em vias públicas de Blumenau nesta terça-feira (2/10/18). A Guarda Municipal de Trânsito (GMT) registrou 9 acidentes no município, mas somente em cinco alguém se machucou. Um dos casos foi o atropelamento já noticiado.

O primeiro acidente com ferido aconteceu por volta das 5h15min no cruzamento das ruas Amazonas com a Pastor Oswaldo Hesse, próximo do Angeloni da Fonte, no bairro Garcia. No local, um motociclista de 32 anos perdeu o controle da direção de sua Honda XRE 190 com placa Blumenau. Com a queda, ele sofreu ferimentos e foi atendido pela equipe dos bombeiros, que o conduziram ao Hospital Santo Antônio.

No período da noite, às 22h10min, a GMT atendeu dois acidentes. No cruzamento das ruas General Osório com a Caçadores, no bairro Velha, mais um motociclista perdeu o controle da direção. A vítima de 19 anos ficou ferida com a queda e foi socorrida pelos bombeiros. Após o atendimento inicial, a condutora foi levada ao Hospital Santo Antônio, onde recebeu cuidados médicos.

O outro acidente que aconteceu no mesmo horário foi na Rua Carlos Erbs, altura do nº 104, no bairro Escola Agrícola. No local ocorreu uma colisão envolvendo um automóvel Fiat Idea com placas de Tijucas (SC) e uma motocicleta Kasinski Mirage 150 de Blumenau. O motorista do carro, de 29 anos, saiu ileso. Já o motociclista de 28 ficou ferido e foi conduzido ao Hospital Santo Antônio pelos bombeiros, onde recebeu atendimento médico.

Quarenta minutos depois, mais um acidente envolvendo moto e carro, ambos com placas de Blumenau. A colisão aconteceu na Rua Felipe Otto Becker, altura do nº 163, no bairro Água Verde. O condutor de 20 anos da motocicleta Honda CG 160 ficou ferido, foi socorrido pelos bombeiros e encaminhado ao Hospital Santo Antônio. Já o motorista do Renault Megane, de 50 anos, não se feriu.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS