terça-feira, 25 janeiro 2022
InícioCidades de SCFlorianópolisVídeo: Incêndio no Fort Atacadista em Florianópolis mobiliza bombeiros

Vídeo: Incêndio no Fort Atacadista em Florianópolis mobiliza bombeiros

Era possível ouvir explosões no final da manhã desta quinta-feira (23/12). As guarnições trabalham para controlar as chamas no local.

Um incêndio mobilizou os Bombeiros Militares por volta das 11h15 desta quinta-feira (23/12/21) na unidade do Fort Atacadista localizada na rodovia Francisco Magno Vieira, no bairro Campeche, em Florianópolis (SC). Um pouco antes, às 10h40, já havia informações sobre chamas no estabelecimento e desde então as equipes trabalham para impedir o avanço.

No vídeo é possível ouvir explosões e a unidade foi totalmente evacuada para que as equipes possam trabalhar e garantir a segurança de quem passa no local. Alguns chavistas foram contatados para ajudar a abrir os carros estacionados no estabelecimento, permitindo a retirada.

Mais de dez viaturas trabalham para controlar o incêndio de grandes proporções e evitar que se alastre nas residências e comércios próximos, com por exemplo um posto de combustíveis.

Por enquanto não foi registrada nenhuma vítima, mas a ocorrência ainda está em andamento. O trânsito está liberado, mas a orientação é que os condutores evitem passar pela região. Equipes da Guarda Municipal de Trânsito, Polícia Militar e Defesa Civil estão no local prestando apoio.

Em nota, a assessoria da rede informou que ainda não é possível saber qual impacto trará na estrutura, se há vítimas e o que possa ter ocasionado o incêndio.

“O Fort Atacadista informa que a loja do Campeche, no Sul da Ilha, foi totalmente evacuada logo no primeiro foco do incêndio. Até o momento, não há registro de feridos e vítimas, e o corpo de bombeiros está atuando no local desde, aproximadamente, às 11h. Também ainda não é possível precisar o impacto na estrutura da loja e estoque de mercadorias. As informações da causa do incêndio ainda estão sendo apuradas. Novas informações serão enviadas após a contenção completa das chamas e laudo oficial do corpo de bombeiros”, conta na nota.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS