sábado, 18 setembro 2021
InícioPraiasPiçarrasVídeo: baleia chama a atenção em Balneário Piçarras neste domingo (5/09)

Vídeo: baleia chama a atenção em Balneário Piçarras neste domingo (5/09)

Na última quarta-feira, dia 1° de setembro, duas foram encontradas mortas em praias da região.

A aparição de uma baleia em Balneário Piçarras (SC) chamou a atenção dos frequentadores da praia na manhã deste domingo (5/09/21). As crianças ficaram encantadas e os adultos não queriam perder o momento registrando-o em seus dispositivos eletrônicos.

Foto: Aline Franzoi Santos Fleith

Foi uma passagem rápida que não escapou aos cliques da jornalista Aline Franzoi Santos Fleith, que trabalha na SECOM de Blumenau, e passeava com a família. Ela disse que elas chegaram bem próximo do molhe e foi tão rápido que aparece só uma pontinha do corpo fora da água. O fato ocorreu entre às 10h30 e 11h.

 

Duas baleias foram encontradas mortas na semana passada

Na última quarta-feira (dia 1º), duas baleias jubarte (Megaptera novaeangliae) juvenis fêmeas foram encontradas mortas em praias próximas. A fêmea em Barra Velha (SC) tinha comprimento total de 8,10 metros e peso estimado em 7,8 toneladas. A equipe técnica do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) da Univali, da Unidade Penha, esteve no local para coletar as informações sobre o animal, mas devido ao estágio avançado de decomposição, não foi possível fazer o exame de necropsia.

A mesma situação aconteceu com a baleia encontrada encalhada na beira da praia de Gravatá, em Navegantes (SC). Moradores, acreditando que ainda pudesse estar viva, tentaram em vão empurrá-la de volta ao mar. O movimento das ondas deu essa impressão errada de que tivesse algum movimento. O animal tinha 7,90 metros de comprimento total.

Mais de 150 baleias-jubarte encalharam sem vida em praias brasileiras só neste ano, segundo dados do médico veterinário Milton Marcondes, diretor de pesquisa do Instituto Baleia Jubarte. Destas, somente um indivíduo era filhote e três adultos; os demais eram juvenis. Duas baleias registradas encalharam ainda com vida, mas foram à óbito na sequência.

O pesquisador considera essa uma temporada atípica, com recorde de encalhes, alto número de emalhes, com predominância de indivíduos juvenis e distribuição incomum no litoral Sul e Sudeste. As praias catarinenses lideram a lista de distribuição de encalhes, com 33,8% das ocorrências, seguido por São Paulo (27,3%), Rio de Janeiro e Espírito Santo (10,4% cada). O Estado da Bahia, antes líder nas ocorrências de encalhes, corresponde à 5,2% das ocorrências computadas até 31 de agosto.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS