terça-feira, 18 maio 2021
InícioGeralVeja como foi a Missa de Pentecostes celebrada na Catedral São Paulo...

Veja como foi a Missa de Pentecostes celebrada na Catedral São Paulo Apóstolo

Missa-Divino_15-5-16_04

 

Fotos: Alcione Alvim da Silva | Texto: Claus Jensen

Desde sexta-feira (13), acontece a Festa do Divino na Catedral de São Paulo Apóstolo em Blumenau. Neste domingo (15/5/16) de manhã foi realizada a Missa de Pentecostes, realizada pelo Padre João Bachmann e o bispo Dom Rafael Biernask. Em boa parte das igrejas cristãs a data é celebrada e tem um significado muito especial.

 

Missa-Divino_15-5-16_07

 

O Dia de Pentecostes é uma celebração que comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo, e é celebrada 50 dias depois do domingo de Páscoa. Enquanto na Igreja Católica nesse ano é comemorada no dia 15, na Igreja Ortodoxa será no 19 de junho.

 

Missa-Divino_15-5-16_16

 

O termo Pentecostes é de origem grega, e o seu significado é referente ao número quinquagésimo (50º). Juntamente com Natal e Páscoa, esta é a terceira data mais importante do Ano Litúrgico. O Pentecostes marca o final da festa Pascal, de acordo com a doutrina cristã.

 

Missa-Divino_15-5-16_15

 

Após a benção final foi entregue uma lembrança simbolizando o Espírito Santo em forma de pomba com os raios demonstrando os dons das várias línguas. Ela é entregue aos festeiros que se esforçam durante o ano para realizar o evento.

 

Missa-Divino_15-5-16_18

 

Essa porta tem um significado muito especial para a Igreja Católica. A Porta Santa da Catedral São Paulo Apóstolo foi inaugurada no dia 13 de dezembro de 2015, no 3º Domingo do Advento, quando clero e fieis dirigiram-se processionalmente até a Porta Santa.

Segundo o papa Francisco “Ela acolhe o nosso arrependimento oferecendo a graça do seu perdão. A gestão simbólica das “portas” – dos limiares, das passagens, das fronteiras – se tornou crucial. A porta se abre frequentemente para ver se do lado de fora há alguém que espera e, talvez, não tem a coragem, talvez nem mesmo força de bater”. Saiba mais, clicando aqui.

 

Missa-Divino_15-5-16_19

Missa-Divino_15-5-16_03

Missa-Divino_15-5-16_02

Missa-Divino_15-5-16_01

Missa-Divino_15-5-16_06

Missa-Divino_15-5-16_05

Missa-Divino_15-5-16_17

Missa-Divino_15-5-16_12

Missa-Divino_15-5-16_10

Missa-Divino_15-5-16_14

Missa-Divino_15-5-16_09

Missa-Divino_15-5-16_13

Missa-Divino_15-5-16_08

Missa-Divino_15-5-16_19

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS