terça-feira, 22 junho 2021
InícioSaúdeCoronavírusTerceira onda de contágio da Covid-19 já preocupa autoridades em Blumenau

Terceira onda de contágio da Covid-19 já preocupa autoridades em Blumenau

A força-tarefa, que reúne várias forças de segurança, estará atuando com suas fiscalizações neste fim de semana.

As novas variantes do Coronavírus com suas CEPAS foram consideradas as principais responsáveis pela segunda onda de contágio da Covid-19 no início de 2021. No momento em que a doença parecia controlada, com números menores de transmissão e de mortes, eles dispararam e causaram um verdadeiro caos no sistema público de saúde.

O avanço da vacinação no Brasil nos fez ver um novo momento da pandemia, já que muitos imunizados já tinham recebido a segunda dose. Mas infelizmente trata-se de uma doença altamente contagiosa, que em uma parcela pequena da população causa graves sequelas e óbitos.

O surgimento de infectados com a variante indiana em território brasileiro, volta novamente o fantasma da transmissão em grande escala. A melhor forma de evitar a contaminação é o distanciamento social e aplicação dos protocolos como álcool em gel, uso de máscara, constante higienização de materiais em locais públicos, como os comerciais.

Um dos estabelecimentos visitados pela força-tarefa para verificar se estavam cumprindo as medidas restritivas. | Foto: Marcelo Martins

A prefeitura de Blumenau anunciou que a força-tarefa está mantida para esse fim de semana. O destaque no título no site mantido pela SECOM foi “evitar uma terceira onda” de proliferação do coronavírus com as fiscalizações. O grande temor é um novo colapso no sistema de saúde como o vivido nos últimos meses com falta de leitos de UTI ativos, necessitando a ativação dos chamados “Leitos de Guerra”.

A força-tarefa é uma ação em conjunto entre a Secretaria de Defesa Civil (Sedeci), Vigilância Sanitária, Guarda Municipal de Trânsito (GMT), Policia Militar, Policia Civil e Corpo de Bombeiros. Desde que a operação foi retomada em 2021 (19 de fevereiro) até ontem (27), foram realizadas 772 abordagens pelas equipes de apoio e registrados 1.517 atendimentos pelo 199.

 “O nosso foco é frear a terceira onda de contágio, mas para isso precisamos da colaboração da população, que não relaxe nos cuidados e que evite as aglomerações”, avalia o Secretário da Defesa Civil, Carlos Olímpio Menestrina.

A recomendação das forças de segurança é para que, as denúncias sejam centralizadas nos canais efetivos da fiscalização como no 199 da Defesa Civil ou o 190 da Polícia Militar. O compartilhamento de fotos e vídeos em mídias sociais é pouco resolutivo e em muitas vezes não condiz com o período exato da infração, afirma o Coronel Menestrina.

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS