segunda-feira, 18 outubro 2021
InícioEventosSeminário em Blumenau discute uso terapêutico da Amoreira-preta

Seminário em Blumenau discute uso terapêutico da Amoreira-preta

amora-preta

Texto: Aristheu Formiga

A mestranda Ana Paula Dalmagro, do Programa de Pós-graduação em química da FURB, apresenta um seminário na próxima quinta-feira (25), às 14 horas, na sala S 327, Campus I, intitulado “Análise fitoquímica sazonal e atividade biológica de folhas de Amoreira-preta (Morus nigra L.)”. A pesquisa foi orientada pela Profa. Dra. Ana Lúcia Bertarello Zeni

O emprego de plantas medicinais com finalidade terapêutica deve ser baseado em evidências científicas sólidas, a vista dos possíveis efeitos farmacológicos e/ou tóxicos que são desencadeados por seus metabólitos secundários. Caracterizados como moléculas que garantem a sobrevivência da planta, o teor dos mesmos é influenciado por fatores como a sazonalidade e localização geográfica.

A amoreira-preta, Morus nigra L., é uma espécie apreciada comercialmente por seus frutos e sua madeira. Na medicina popular, é empregada como agente redutor das taxas de lipídeos e glicose circulante, antioxidante, anti-inflamatória, hipotensiva, dentre outros. Ressalta-se que há evidências científicas sólidas quanto à composição fitoquímica de seus frutos e utilização biológica dos mesmos, porém, estudos com suas folhas são escassos e pouco abrangentes.

Pesquisadores vem correlacionando o aumento do estresse oxidativo e peroxidação lipídica com a depressão; dessa forma, o presente estudo objetiva a avaliação da variação sazonal e geográfica na composição fitoquímica e antioxidante das folhas de Morus nigra L., juntamente com o potencial efeito tipo-antidepressivo dos extratos obtidos.

via FURB

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS