terça-feira, 26 janeiro 2021
Início Vale do Itajaí Gaspar Saúde de Gaspar realiza levantamento para verificar incidência do mosquito da dengue

Saúde de Gaspar realiza levantamento para verificar incidência do mosquito da dengue

22:19

dengue-tubo-ensaio-01

A partir da próxima semana, a Secretaria de Saúde de Gaspar iniciará um levantamento para verificar a incidência do mosquito Aedes aegypti no município. A medida é uma determinação do Ministério da Saúde e da Diretoria Estadual de Vigilância Epidemiológica.

Gaspar tem cerca de 31 mil imóveis, e em torno de 20% deles serão visitados pelos agentes de endemias. Para realizar o levantamento, a metodologia usada será vistoriar um imóvel, pular os próximos quatro e visitar o imóvel seguinte. Serão visitados residências, terrenos baldios, comércios e indústrias. Na visita ao imóvel, serão preenchidos dados como endereço, tipo de imóvel e como é armazenada a água e o lixo.

Se um imóvel que não estiver na lista de visita apresentar indícios de foco do mosquito da dengue, o agente fará uma observação para verificar posteriormente e tomar as providências necessárias. O levantamento deve durar em média duas semanas e será realizado novamente em outubro desse ano.

O Diretor de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Venske, “pede a compreensão e a colaboração da população para que recebam bem os agentes. Todos eles estarão identificados com uniformes e crachás”.

 Sobre a dengue 

É uma doença infecciosa causada por um arbovírus. Considerado um grave problema de saúde pública, ocorre principalmente em países tropicais, onde as condições são mais favoráveis à proliferação do mosquito transmissor: o Aedes aegypti. A transmissão se dá pela picada do mosquito fêmea infectado pelo vírus, que se infecta picando pessoas doentes.

Sobre os cuidados da dengue 

É importante não deixar nenhum recipiente com água parada; verificar se as caixas d’água estão bem vedadas; tratar piscinas com cloro e limpar uma vez por semana; colocar na lixeira copos, garrafas e latas vazias dentro de saco plástico bem fechado; manter as calhas para água da chuva desentupidas; colocar areia nos pratos dos vasos de plantas; remover regularmente a água acumulada em folhas de plantas como bromélias e manter ralos fechados e desentupidos.

via SECOM/Gaspar
Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br
 
 
 
 
 

MAIS LIDAS