quarta-feira, 12 maio 2021
Início Geral Samae de Gaspar promove campanha de descarte consciente de materiais

Samae de Gaspar promove campanha de descarte consciente de materiais

Imagem ilustrativa

 

Para comemorar o Dia Mundial do Meio Ambiente, que acontece neste domingo (5/6/16), o Samae de Gaspar promoverá uma campanha de descarte consciente de pilhas, baterias, lâmpadas fluorescentes e eletroeletrônicos.

O ponto de recebimento ficará instalado na Praça Getúlio Vargas na sexta-feira (3), das 9h às 18h, e no sábado (4), das 9h às 13h. A campanha é destinada à comunidade em geral, empresas e demais entidades.

A intervenção é realizada em parceria com a empresa Ecoluz Descontaminação de Lâmpadas, que será responsável pela destinação adequada dos materiais. Para o descarte das lâmpadas fluorescentes, de vapor de sódio, de mercúrio ou luz mista, a empresa cobrará o valor promocional de R$0,50 a unidade. Para pilhas, baterias em geral e aparelhos eletroeletrônicos o descarte será gratuito.

Confira exemplos de eletroeletrônicos aceitos:

  • rádios;
  • celulares;
  • aparelhos de CD e DVD;
  • telefones;
  • impressoras;
  • televisores;
  • forno microondas;
  • batedeiras;
  • liquidificadores;
  • monitores/CPUs;
  • notebooks;
  • roteadores e modens;
  • carregadores e cabos;
  • mouse e teclado;
  • equipamentos com placa de circuito.

Políticas de descarte

As lâmpadas fluorescentes, baterias e pilhas são produtos altamente tóxicos por possuírem em sua composição elementos como chumbo, mercúrio e cádmio. Quando descartados indiscriminadamente, liberam componentes tóxicos que contaminam o solo, lençóis freáticos, e, direta ou indiretamente, o ser humano.

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), sancionada em 2010, trouxe determinações importantes para o recolhimento e o correto descarte dos resíduos, incluindo o princípio da responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos e os sistemas de logística reversa.

A Logística Reversa obriga os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes o efetuarem o recolhimento, o tratamento e a adequada destinação final de determinadas embalagens ou produtos fabricados depois de serem usados pelo consumidor.

Fonte: SECOM / Gaspar

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS