quinta-feira, 28 outubro 2021
InícioGeralPSDB elege 38 prefeitos e se consolida como terceira maior força partidária...

PSDB elege 38 prefeitos e se consolida como terceira maior força partidária em SC

O saldo do primeiro turno das eleições municipais de 2016 foi extremamente positivo para o PSDB de Santa Catarina. Sem contar com segundo turno nas três principais cidades do Estado – Florianópolis, Joinville e Blumenau -, os tucanos elegeram 38 prefeitos em municípios que totalizam 1 milhão de habitantes, o que corresponde a quase 14% da população do Estado. No dia 30 de outubro, o PSDB ainda disputará a prefeitura de Blumenau (busca a reeleição do prefeito Napoleão Bernardes) e de Florianópolis (com o vice-prefeito João Batista Nunes).

Com estes números, o PSDB se torna uma das três mais importantes forças políticas de Santa Catarina, ao lado de siglas como o PSD e o PMDB (veja quadro).
A boa performance é fruto do trabalho iniciado há um ano, de reestruturação partidária, e deu-se pelo fato de o PSDB ter lançado 14 candidatos entre os 20 maiores municípios catarinenses, sendo o partido que mais lançou candidatos neste ranking estadual de população.

 

tabela-partidosxpopulacao_out2016

 

Para o presidente estadual do PSDB, deputado estadual Marcos Vieira, a mobilização partidária, feita com 70 seminários de preparação eleitoral e o trabalho de filiação, que trouxe mais de 10 mil novos tucanos, surtiram o efeito desejado. “Somos mais de 105 mil filiados, e nosso exército fez com que saltássemos de 25 para 38 prefeituras. Também aumentamos para 355 o número de vereadores, que era de 329, e ainda elegemos 32 vice-prefeitos”, resume o presidente, lembrando que os números ainda podem melhorar após o segundo turno: “E vamos todos trabalhar muito para isso”, resumiu o deputado Marcos Vieira.

 

Presidente estadual do PSDB, deputado estadual Marcos Vieira
Presidente estadual do PSDB, deputado estadual Marcos Vieira

 

Contando com dois senadores da República, Dalírio Beber e Paulo Bauer, dois deputados federais, Geovânia de Sá e Marco Tebaldi, e cinco deputados estaduais, Serafim Venzon, Vicente Caropreso, Leonel Pavan, Mário Marcondes e Marcos Vieira, o PSDB atingiu o objetivo traçado pela Executiva Estadual. “Chegamos a um patamar que nos coloca em uma posição privilegiada, fruto do empenho de todos da Executiva e dos nossos militantes, assim temos a convicção de que o PSDB está pronto para assumir novos desafios”, argumenta o presidente estadual do PSDB, deputado Marcos Vieira.

Outras avaliações

O senador Dalirio Beber avalia que o PSDB sai muito fortalecido das urnas em Santa Catarina, como também ocorreu no cenário nacional. “O PSDB cresceu, conquistou cidades importantes, e também em várias outras quase chegou à vitória, com votações expressivas, e isso também precisa ser valorizado. Todos os tucanos trabalharam muito bem, e agora o foco é conquistar as prefeituras em que ainda estamos na disputa – Blumenau e Florianópolis – para que o resultado nos seja ainda mais positivo”, analisou o senador, completando ainda que, na visão dele, o jeito tucano de governar vai fazer a diferença em prol da população a partir de 1º de janeiro.

O deputado Serafim Venzon, líder da Bancada do PSDB na Assembleia Legislativa destacou o desempenho e o crescimento do partido após a realização das eleições municipais, tanto em nível estadual quanto nacional. “Em que pese questões circunstanciais e locais, o PSDB emerge das eleições municipais em Santa Catarina como o partido que teve o maior crescimento, em números absolutos no Estado”, destacou Venzon, que ainda ressaltou o desempenho nacional do 45, já que o PSDB foi o grande vencedor do primeiro turno das eleições municipais de 2016 e vai governar para pelo menos 26,8 milhões de eleitores em 793 prefeituras, números que ainda podem aumentar.

Os eleitos do PSDB-SC

1) Prefeitos

  • Indaial – André Moser
  • Rio Do Sul – José Thomé
  • Ituporanga – Osni De Fragas – Lorinho
  • Taió – Almir Guski
  • Luiz Alves – Marcos Pedro Veber
  • Navegantes – Emílio Vieira
  • Criciúma – Clesio Salvaro
  • Caçador – Saulo Sperotto
  • Concórdia – Rogério Pacheco
  • Porto União – Eliseu Mibach
  • Araquari – Clenilton Carlos Pereira
  • Joaçaba – Dioclesio Ragnini
  • São Joaquim – Giovani Nunes
  • Santo Amaro da Imperatriz – Edesio Justen
  • Balneário Piçarras – Leonel José Martins
  • Schroeder – Osvaldo Jurck
  • Pinhalzinho – Mario Afonso Woitexem – Cena
  • Nova Veneza – Rogerio Frigo
  • Urubici – Antonio Zilli
  • Irineópolis – Juliano Pozzi Pereira
  • Monte Carlo – Sonia Vedovatto
  • Monte Castelo – Jean Carlo Medeiros de Souza
  • Praia Grande – Henrique Maciel
  • Maracajá – Arlindo Rocha – Lale
  • Laurentino – Gilberto Marchi
  • Águas de Chapecó – Leonir Hentges – Canico
  • São João do Oeste – Fernando Bisigo
  • Bela Vista do Toldo – Adelmo Alberti
  • Rio Das Antas – Ronaldo Loss
  • Agronômica – Cesar Cunha
  • Guatambú – Luiz Clovis Dal Piva
  • Xavantina – Enoir Fazolo
  • Major Gercino – Valmor Kammers
  • Anitápolis – Laudir Pedro Coelho
  • Celso Ramos – Ondino Ribeiro de Medeiros
  • Sul Brasil – Éder Marmitt
  • Novo Horizonte – Vanderlei Sanagiotto
  • Macieira – Zelir Citadin

*Ainda pode reeleger o prefeito Napoleão Bernardes em Blumenau no 2º turno

 

2) Vice-prefeitos

  • Pomerode – Gládys Sievert Knaesel
  • Criciúma – Ricardo Fabris
  • Luiz Alves – Vanderlei Rossi
  • Rio Dos Cedros – Jorge Stolf
  • Orleans – Mário Coan
  • Jaguaruna – Elpídio de Souza
  • Schroeder – Adriano Kath
  • Pouso Redondo – Ruy Marcos Fritsche
  • Itapiranga – Fernando Girardi
  • Nova Trento – Jaison Marchiori
  • Ascurra – José Coradini
  • Rio Do Oeste – Luiz Muller
  • São Carlos – Kelen Giongo
  • Guaraciaba – Valdecir Dorigon
  • Balneário Barra do Sul – Louri da Cunha
  • Saudades – Osmar Prestes – Sadan
  • Santa Terezinha – Inácio Monczewski
  • Iporã do Oeste – Alexandre Ruschenski
  • Descanso – Valdecir Casagrande
  • Água Doce – Vilson Verona
  • Meleiro – Rogildo Bordignon
  • Laurentino – Vitor Nardeli
  • Águas de Chapecó – Valmor Follmann
  • Águas Mornas – Pedro Paulo Medeiros
  • Timbé do Sul – Mária de Fátima Lodetti
  • Piratuba – Evandro Azeredo
  • Modelo – Aldecir Bólis
  • Entre Rios – Evandro dos Passos
  • Chapadão do Lageado – Orlando Paul
  • Rancho Queimado – Ino Guilherme Westphal
  • Bom Jesus do Oeste – Ivonir Santolin
  • Santiago Do Sul – Vanildo Valcarengui

*Ainda pode eleger o vice-prefeito João Batista Nunes em Florianópolis em 2º turno

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS