segunda-feira, 25 outubro 2021
InícioGeralPolícia Civil prende 71 pessoas na operação Anjos da Lei em Santa...

Polícia Civil prende 71 pessoas na operação Anjos da Lei em Santa Catarina

 

 

Fotos: Polícia Civil

Polícia Civil de Santa Catarina integrou desde as primeiras horas da manhã desta terça-feira, 13, a Operação Anjos da Lei com o objetivo de combater o tráfico de drogas dentro e na proximidade de escolas, públicas e/ou privadas em todo o país. A ação, que em Santa Catarina teve a participação de 472 policiais civis, foi coordenada pelo Ministério da Segurança Pública e desencadeada simultaneamente nos 26 Estados da Federação e no Distrito Federal, e ampliou a operação piloto realizada nos três Estados do Sul no mês de junho.

Em Santa Catarina, foram cumpridos 69 mandados de prisão e 84 de busca e apreensão e ações de rua em 50 municípios de cada uma das 30 DRPs (Delegacia Regionais de Polícia) do Estado. Ao final, foram realizadas 75 prisões – 46 por mandado, 15 em flagrante, três de foragidos recapturados e 7 adolescentes apreendidos (sendo quatro em flagrante e três por mandado); além da apreensão de dez revólveres, cinco espingardas, nove veículos, 40 telefones celulares, sete equipamentos de informática e R$ 18,9 mil em espécie.

A maior apreensão de droga ocorreu na comunidade Chico Mendes, em Florianópolis, onde agentes da 3ª DP da Capital e após trabalho de investigação estouraram ponto de venda de drogas na Servidão Paraguai de Assis, nas imediações da creche Mateus de Barros e da Escola de Ensino Básico Américo Dutra Machado. No local, localizado a aproximadamente 50 metros da creche e 200 metros do colégio, foram encontradas 751 pedras de crack, além de materiais receptados e detido um suspeito pelo comércio ilegal de entorpecentes.

 

 

No bairro Canasvieiras, também em Florianópolis, policiais da CINI (Central de Investigação do Norte da Ilha) com apoio das DP de área (7ª e 8ª) identificaram com filmagens o comércio de drogas realizado dentro do Tican (Terminal de ônibus no bairro de Canasvieiras) que fica a 200 metros da escola municipal Jacó Anderle. Os policiais abordaram o suspeito pelo tráfico, menor de idade e que também é aluno da referida escola, e um usuário.

O delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Luiz Ângelo Moreira, destacou a importância da operação pela integração e troca de informações entre os Estados, além da preservação dos ambientes escolares. “Esta operação não se encerra hoje. Esta data é emblemática pela amplitude nacional que tem e a possibilidade dos Estados reforçarem seus bancos de dados com relação ao tema e suspeitos envolvidos. Mas nossa atuação é permanente, principalmente quando se trata de manter os jovens distantes da droga”, disse.

No bairro Canasvieiras, também em Florianópolis, policiais da CINI (Central de Investigação do Norte da Ilha) com apoio das DP de área (7ª e 8ª) identificaram com filmagens o comércio de drogas realizado dentro do Tican (Terminal de ônibus no bairro de Canasvieiras) que fica a 200 metros da escola municipal Jacó Anderle. Os policiais abordaram o suspeito pelo tráfico, menor de idade e que também é aluno da referida escola, e um usuário.

O delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Luiz Ângelo Moreira, destacou a importância da operação pela integração e troca de informações entre os Estados, além da preservação dos ambientes escolares. “Esta operação não se encerra hoje. Esta data é emblemática pela amplitude nacional que tem e a possibilidade dos Estados reforçarem seus bancos de dados com relação ao tema e suspeitos envolvidos. Mas nossa atuação é permanente, principalmente quando se trata de manter os jovens distantes da droga”, disse.

Resultado em outros municípios

  • Lages – 10 prisões por mandado e uma prisão em flagrante.
  • Criciúma – 36 mandados de busca cumpridos, com um flagrante, três prisões temporárias e cinco veículos apreendidos.
  • São Lourenço do Oeste, São Joaquim e Ituporanga – Uma prisão cada por mandado.
  • Porto União – Uma prisão e três armas de fogo apreendidas.
  • São Bento do Sul – Um preso em flagrante, dois revólveres e uma espingarda apreendidos, pequena quantidade de maconha, crack e ecxtasy, e R$ 3 mil em espécie.
  • Concórdia – Um mandado de busca e apreensão, com um adolescente apreendido, mais 18,6 g de maconha, 142,4 g de crack, um celular e um notebook com indícios de se tratar de produtos de crime. R$ 1.060 em espécie.
  • Tubarão – Quatro mandados de busca e apreensão, três conduções que resultaram em três TCs. Duas conduções coercitivas e apreensão de seis aparelhos celulares e um tablet.
  • Palhoça – Três mandados de prisão com dois presos (um deles com dois MP em aberto por estupro e roubo).

As informações foram divulgadas pela Polícia Civil de Santa Catarina.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS