quinta-feira, 27 janeiro 2022
InícioGeralPolícia Civil esclarece falso sequestro de taxista em Blumenau

Polícia Civil esclarece falso sequestro de taxista em Blumenau

Central de Polícia Civil no bairro Garcia | Imagem: Google Maps (Street View) Set 2011

 

No dia 4 de fevereiro deste ano, um motorista de táxi de 62 anos, registrou um boletim de ocorrência dizendo ter sido vítima de seqüestro dois dias antes. No BO, disse que dois homens e uma mulher teriam lhe rendido com uma arma de fogo, e obrigado a levar até o Estado do Paraná. Relatou ainda que teve dinheiro e um telefone celular roubados.

Mas a polícia civil desconfiou e achou que a história estava mal contada e teria tido dificuldade em convencer a vítima à comparecer na delegacia para ser ouvida. O Delegado responsável, Egidio Ferrari, determinou diligências policiais a fim de confirmar ou não a existência do crime.

Na tarde desta segunda-feira (30/07/18), o taxista foi novamente ouvido pelo delegado e, após ser advertido das conseqüências de uma possível mentira, já que os fatos tiveram grande repercussão, teria admitido que não houve nenhum crime. O homem teria confessado que resolveu passar uns dias na casa de um parente no Estado do Paraná sem avisar os familiares e depois registrou o boletim de ocorrência de roubo.

Diante dos fatos, foi lavrado um termo circunstanciado, e o taxista responderá por Comunicação Falsa de Crime, previsto no art. 340 do Código Penal, e que possui pena de detenção de um a seis meses ou multa.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS