Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Polícia prende suspeito de assassinar taxista em fevereiro de 2020, em Blumenau

 

 

 

Ismael Batista de Liz, de 36 anos

 

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) identificou um suspeito da morte do taxista Ismael Batista de Liz, de 36 anos, que aconteceu na Rua dos Pescadores, no bairro da Velha. No dia 20 de fevereiro, ele foi encontrado morto na garagem de sua residência por um colega de trabalho que o procurava.

A investigação da Polícia Civil começou após o trabalho da perícia e de ouvir testemunhas no local.  Chamou a atenção dos policiais, o fato do vizinho da vítima sair de sua casa no dia do crime,  levando pertences pessoais. Ele se despediu dos familiares e teria pedido perdão para sua mãe pois havia feito “algo de errado com uma pessoa boa”.

 

 

A partir daí diversas pessoas foram ouvidas na Delegacia de Polícia, quando foi possível saber que a vítima possuía duas armas de fogo em sua residência. O suspeito teria se interessado pelos revólveres e Ismael revelou para uma pessoa que “estava com medo” do vizinho, por isso dormia armado. O homem investigado teria tentado arrombar a casa da vítima no dia anterior do assassinato, aproveitando o fato dele não estar em casa.

A Polícia Civil acredita que no dia do crime, Ismael impediu a entrada do suspeito na garagem do imóvel, e em determinado momento, foi rendido e morto com um disparo de revólver no peito. Em seguida, o suspeito retornou até sua residência que fica a poucos metros do local, recolheu seus pertences pessoais e fugiu para local ignorado.

Baseado em todas as provas do inquérito policial, principalmente o relatório de investigação dos agentes policias e dos depoimentos, o Delegado Egidio Maciel Ferrari representou pela prisão preventiva temporária de Eder Roberto da Silva, conhecido como Edinho. Logo em seguida, a 1ª Vara Criminal da Comarca de Blumenau deferiu o pedido de prisão, depois de obter a aprovação do Ministério Público.

Foram realizadas diversas buscas pelo suspeito, até que ele foi encontrado e preso pela Polícia Militar em Barra Velha (SC). Agora a Polícia Civil tem 30 dias para concluir o inquérito. Durante esse período, serão tomados novos depoimentos, já que algumas testemunhas deixaram de depor, temendo represálias do suspeito.

O homem é conhecido na região por ser uma pessoa violenta. Até este domingo (26/04/20) todos os sete homicídios ocorridos em Blumenau neste ano foram esclarecidos e os responsáveis pelos crimes estão presos.

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top