sábado, 25 setembro 2021
InícioEventosParte do acervo do Museu da Música de Timbó está em Blumenau

Parte do acervo do Museu da Música de Timbó está em Blumenau

 

Por Fabiana Roza

Instrumentos de sopro e corda que fazem parte do acervo do Museu da Música, de Timbó, poderão ser apreciados em uma exposição no Norte Shopping. A partir de segunda-feira (3/7/17), em frente à loja Kalunga, o público já pode conferir diversos instrumentos musicais, dentre eles algumas réplicas da época renascentista.

 

 

Para a exposição no shopping, o Museu disponibilizou parte do acervo, que conta atualmente com mais de 2 mil peças, e é composto de instrumentos musicais dos mais variados tipos, épocas e países, tanto originais como réplicas. Entre as peças expostas no Norte Shopping estarão instrumentos como contrabaixo, bandolim napolitano, clarineta em Dó (Buxus), cítara, xilofone de garrafas e harmônio.

 

 

No entanto, os instrumentos que devem chamar maior atenção do público são as réplicas que remontam à época da Renascença, período caracterizado sobretudo pelo grande interesse dedicado à cultura e saber. Segundo informações do Museu, são instrumentos pouco conhecidos pois sofreram mudanças e se transformaram em instrumentos diferentes, como é o caso do fagote e do oboé, por exemplo.

 

 

Sobre o Museu da Música

Fundado em 2004 no Salão Hammermeister, casa centenária tombada pelo patrimônio histórico, o Museu da Música foi idealizado pelo Pastor Hans Hermann Ziel com o apoio da Fundação Cultural. Além de instrumentos musicais, o acervo também é composto de coleções de gravuras, métodos, partituras, livros, discos e desenhos técnicos.

Para preservar e divulgar a cultura musical e a história da construção de instrumentos musicais através dos séculos e gerações, o Museu desenvolve ações educativas, espetáculos musicais, exposições e outros eventos culturais.

Exposição de Instrumentos Musicais
Local: Norte Shopping, em frente à Kalunga
Horários: ​D​iariamente, das 10h às 22h, até o dia 31 de julho
Evento gratuito

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS