terça-feira, 19 outubro 2021
InícioEconomiaOs fascinantes lugares no turismo dentro de Blumenau

Os fascinantes lugares no turismo dentro de Blumenau

Mirante do Morro dos Porcos (182m), popularmente conhecido como Morro do Concórdia (bairro da Velha). Destaque: a direita de uma antena de celular (2cm) bem ao fundo um pequeno “cucuruto”. Trata-se do Morro Príncipe Luiz (717m), ponto extremo norte de Blumenau divisa com Massaranduba e Jaraguá do Sul.

 

Por Claus Jensen, com fotos de Theodor Alexandre Darius

@ Copyright Não é permitida a reprodução dessa matéria sem autorização por escrito

Talvez você acha que conhece muito Blumenau, mas depois de ler essa entrevista, vai perceber que há muita coisa fascinante para descobrir. Conheço o Theodor Alexandre Darius desde a infância, sempre apaixonado por ônibus. Seu avô foi um dos fundadores da Auto Viação Catarinense, uma empresa que nasceu em Blumenau mas hoje com sede em Florianópolis.

Viagens, turismo e ônibus estão no sangue e paixão de Theodor. Foi assim que surgiu a Darius Turismo, que trabalha com vendas de passagens rodoviárias, mas também com turismo. São desde roteiros para diversos lugares do Brasil, assim como dentro do perímetro urbano e rural de nossa cidade, um dos diferenciais.

OBlumenauense: Como é essa proposta de fazer o turismo dentro de Blumenau?

Theodor A. Darius: Nosso negócio principal sempre foi a venda de passagens de ônibus, mas também temos a proposta de oferecer um turismo rodoviário mais acessível, de curta e média distância. E nessa busca em prospectar novos roteiros, a partir de uma experiência pessoal, descobrimos que em Blumenau temos um grande potencial turístico com opções das mais diversas. Entre montanhas, fazendas e sítios, regiões rurais de singular beleza, lançamos um produto voltado para a cidade, oportunizando aos moradores e turistas conhecê-la melhor. Chamamos este produto genericamente “De Blumenau para Blumenau”.

OBlumenauense: Esses passeios acontecem quantas vezes por ano?

Theodor A. Darius: Nós acompanhamos a demanda do mercado e de acordo com ela posicionamos nossos roteiros. Vamos avaliando as sugestões e solicitações. Normalmente os passeios em Blumenau acontecem duas vezes por ano. A cada semestre escolhemos lugares e exploramos bairros diferentes, preferencialmente inéditos, que acabam surpreendendo a todos.

OBlumenauense: Que tipo de atrações seu público encontra nestes lugares?

Theodor A. Darius: É interessante, que nós temos Blumenau como uma cidade baixa, a 21 metros do nível do mar. Mas ela tem um relevo diversificado, com regiões muito altas. Uma delas por exemplo, apresenta florestas típicas da serra catarinense com pinheiros e araucárias.

 

Rua Belmiro Colzani , no bairro Progresso | Araucárias, paisagem típica da serra catarinense, que em Blumenau está a 357m do nível do mar já no início do Parque Nacional da Serra do Itajaí.

 

Nós temos na região da Nova Rússia, no bairro Progresso, altitudes acima de 300 metros com uma vegetação diferente do Centro, que é uma área mais baixa. Outro local que reserva muitas surpresas, é a Vila Itoupava, com paisagens rurais, campos e mirantes.

Existem em Blumenau cerca de 15 mirantes naturais, ou seja, que podem ser aproveitados pelos visitantes, apesar de ainda não disporem de uma estrutura turística adequada como decks, bancos, banheiros, etc. Quando levamos as pessoas para lá, explicamos o nome dos principais pontos geográficos como montanhas, serras, bairros e lugares. É sempre muito gratificante apresentar isso e observar o deslumbramento dos visitantes.

OBlumenauense: Como são montados esses pacotes e qual a faixa de preços?

Theodor A. Darius: Nós montamos grupos com no mínimo 10 e no máximo 44 pessoas, quando utilizamos uma van ou um ônibus. A título de referência, os pacotes podem custar de R$ 190 a R$ 220, incluindo café da manhã, almoço, café colonial a tarde e o serviço dos guias. Também eventualmente podem incluir algum ingresso, grupo folclórico, espetáculo … então é um serviço bem completo. O passeio leva em média 12 horas, onde rodamos dentro de Blumenau cerca de 180 quilômetros. É praticamente uma viagem dentro da cidade, quase como ir daqui à Curitiba (212,2 Km).

OBlumenauense: Qual desses locais mais surpreendem as pessoas?

Theodor A. Darius: Um dos locais mais apreciados é o mirante do Portal da Saxônia, também conhecido como Pedra do Amor ou Morro da Pedreira, com seus 160 metros acima do nível do mar. O local proporciona uma visão ampla de quase todos os bairros da cidade. Outro é o Museu da Água, com sua estrutura como um todo, e uma torre de onde é possível ver Blumenau quase em 360°.

 

Visão panorâmica de Blumenau, a partir da Pedra do Amor | Foto: Claus Jensen

 

Na região do Fidélis, que faz a ligação com a Itoupava Central, existe o Morro da Laguna, onde há um bosque de araucárias e uma visão frontal do morro do Cachorro, além de uma vista panorâmica para parte da cidade. Mas um lugar em especial, quase que exclusivo da Darius Turismo, fica na Rua Erwin Jurk (Vila Itoupava), ao norte do município, com 290 metros de altura, a poucos metros da divisa com Massaranduba. É espetacular, permite observar as montanhas da Vila Itoupava, Pomerode, Jaraguá do Sul e Blumenau. Todos impressionam-se com a beleza do lugar.

OBlumenauense: Como você monta esses roteiros?

Theodor A. Darius: Até hoje fizemos nove roteiros, todos completamente diferentes. Às vezes chamamos de Blumenau Total, outras de Blumenau Norte, Blumenau Sul, Blumenau Latitude e Longitude e por aí vai, mas sempre bem variados. Pesquisamos muito usando desde ferramentas como Google Maps ou Google Earth, até mapas especiais da zona rural da cidade. Também realizamos visitas in loco, as vezes até em momentos de lazer, sempre prospectando lugares bonitos e desconhecidos. Outras vezes as pessoas nos passam sugestões de locais em que estiveram.

Assim que terminamos um pacote, já vamos prospectando e montando o próximo, sempre com atrações novas. Por exemplo, em Setembro fizemos o “Sobrevoando Blumenau Rumo ao Desconhecido”, quando visitamos a Serra do Selke, um lugar pouco conhecido, e de onde pudemos ver a cidade de um ângulo completamente inédito. Neste local, na divisa com Pomerode, um proprietário nos recebeu em sua casa onde dispunha de um deck com uma bela vista panorâmica.

Concluímos que Blumenau tem um potencial enorme e apesar de estarmos no nono pacote, ainda não esgotamos tudo o que a cidade tem a oferecer. E para quem se dispõe a esta aventura, terá uma verdadeira redescoberta mudando seu conceito sobre ela. Uma cidade com muitas faces, diversificada e rica em atrativos, que vão muito além da Vila Germânica e de outros atrativos mais tradicionais, mas nem por isto menos interessantes. Convido a todos para esta experiência muito enriquecedora!

 

A Darius Turismo está localizada na Rua Ângelo Dias, 45, no Centro de Blumenau. Se você quiser mais informações sobre os roteiros, ou comprar passagens de ônibus, pode ligar para o telefone (47) 3326-5008. Confira algumas imagens registradas por Theodor Alexandre Darius

 

Lago no final da Rua Raul Laux, no bairro Testo Salto, a 180m de altura, formando um cenário que também remete ao planalto catarinense.

 

Mirante na Serra do Selke (323m), entre Blumenau e Pomerode. Observa-se no centro da foto, os edifícios dos bairros Victor Konder e Vila Nova. O acesso é pela Rua Viena no bairro Vila Itoupava.

 

Segue uma imagem via Google Maps onde mostra o lago no bairro Testo Salto

Claus Jensenhttp://www.oblumenauense.com.br
Trabalhei com publicidade há mais de 30 anos, fiz teatro durante 8, apresentei programa de televisão outros 5 e sou blogueiro desde 2007. Mas minha maior paixão é a família, e claro, essa fascinante Blumenau.

MAIS LIDAS