Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Operação Scurra cumpre 100 ordem judiciais em Blumenau e outras cidades de SC

 

 

 

 

Fotos: Polícia Civil de SC

Foi desencadeada nesta sexta-feira (3/07/20) a operação Scurra, que cumpre cerca de 100 ordens judiciais em várias cidades catarinenses, além de São José dos Pinhais (PR) e Naviraí (MS). No Vale do Itajaí, as equipes foram para Blumenau, Itajaí, Navegantes, Camboriú e Balneário Camboriú.  Os outros municípios do estado são Porto Belo, Florianópolis, São José, Palhoça, Biguaçu, Governador Celso Ramos, Tubarão, Laguna e Rio Fortuna.

Nestes locais estão sendo cumpridos 42 mandados de busca e apreensão, além de 50 mandados de prisão temporária. O trabalho começou logo no amanhecer e está sendo coordenado pela Delegacia de Combate às Drogas da Capital (DECOD) da Polícia Civil de Santa Catrina.

A investigação surgiu a partir do aumento da violência na região do Monte Verde, em Florianópolis, em 2018. De acordo com delegado responsável pela DECOD), Walter Loyola, ao longo de dois anos de investigações foram analisadas aproximadamente 600 mil ligações, mensagens de texto e outras interações entre os investigados.

Foram identificados diversos núcleos de integrantes de uma facção criminosa que atuava em Santa Catarina com conexões em outros Estados. Para transportar o material ilícito, eram utilizados os mais diversos meios, inclusive um helicóptero. Alguns criminosos já foram presos durante as investigações.

Para financiar suas atividades, eles roubavam veículos de alto luxo, cometiam crimes contra o sistema financeiro, furtos em imóveis de alto padrão, homicídios, entre outros. Essa diversidade inspirou o nome SCURRA, que em latim significa curinga, ou seja, aquele individuo versátil que atua em várias funções.

Participaram da operação mais de 200 policiais civis, sendo eles das unidades da Diretoria de Polícia da Grande Florianópolis, Regionais de Joinville, Itajaí, Balneário de Camboriú, Laguna, Blumenau e Tubarão, CORE, SAER e CANIL, além de policiais civis do Paraná, Mato Grosso do Sul, Policia Rodoviária Federal e Secretaria de Estado da Administração Prisional e Socioeducativa.

Durante as apreensões, foram flagradas diversas ações criminosas que tinham como alvo Estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Rio Grande do Sul e outros. Tudo será compartilhado com as autoridades competentes locais.

 

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top