segunda-feira, 18 outubro 2021
InícioGeralNível do rio em 13 das estações monitoradas estão acima do normal

Nível do rio em 13 das estações monitoradas estão acima do normal

O Epagri/Ciram enviou nota, mostrando através da tabela abaixo, que nas Bacias dos Rios Canoas, Antas, do Peixe e Chapecó das estações monitoradas, 13 estão em condições acima dos níveis normais dos rios. As demais encontram-se em condições normais, com a seguinte situação:

  • CONDIÇÃO DOS NÍVEIS DOS RIOS PARA EMERGÊNCIA: Rio do Sul, Passo Marombas em Curitibanos, Joaçaba, Coronel Passos Maia e Passo Pio X em Pinhalzinho;
  • CONDIÇÃO DOS NÍVEIS DOS RIOS PARA ALERTA: Barragem Oeste em Taió, Taió e Ponte Alta do Sul;
  • CONDIÇÃO DOS NÍVEIS DOS RIOS PARA ATENÇÃO: Chapadão do Lageado, Apiúna, Brusque, Vila Canoas em Rio Rufino e Tangará;

Bacia do Rio Itajaí

Considerando os níveis atuais dos rios, a situação hidrológica encontra-se em situação de emergência na estação de Rio do Sul. Observa-se uma tendência de aumentar o nível dos rios desta bacia a uma taxa de 10 à 17 cm/h (conforme tabela abaixo). As estações de Barragem Oeste em Taió e Taió estão na condição de alerta, com a tendência de aumentar a uma taxa que varia de 9 à 16 cm/h nas últimas duas horas monitoradas.

Bacia do Rio Canoas (Oeste)

Nesta bacia a situação hidrológica encontra-se na situação de emergência para a estação de Passo Marombas em Curitibanos e se observa uma tendência de aumentar o nível do Rio Marombas a uma taxa de 07 à 10 cm/h. A estação de Ponte Alta do Sul encontra-se na situação de alerta com aumento do Rio Canoas na ordem de 5,0 à 8,0 cm/h nas duas últimas horas monitoradas (conforme tabela abaixo).

Bacia do Rio Antas ( Extremo Oeste)

A situação hidrológica encontra-se em condição de normalidade na estação de Linha Jataí em Mondaí, onde a tendência é diminuir o nível do Rio Saudades a uma taxa de 16 à 24 cm/h nas duas últimas horas monitoradas (conforme tabela abaixo).

Bacia do Rio do Peixe (Meio-Oeste SC)

O Nível do Rio do Peixe encontra-se na condição de emergência para enchente na estação de Joaçaba, onde a tendência de diminuir o nível deste rio, a uma taxa de 12 à 14 cm/h na última hora monitorada (conforme tabela abaixo). No entanto na estação de Tangará, o nível do Rio do Peixe ainda continua aumentando na taxa de 5 cm/h (conforme tabela abaixo).

Bacia do Rio Chapecó (Oeste SC)

Considerando os níveis atuais dos rios, a situação hidrológica encontra-se na situação de emergência para as estações de Coronel Passos Maia e Passo Pio X em Pinhalzinho, observa-se uma tendência de aumentar o nível do Rio Chapecó a uma taxa de 1,0 à 7,0 cm/h na última hora monitorada (conforme tabela abaixo).

bacia-Rio-Itajai_27-6-14
Clique para ampliar

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS