Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Mulher é sequestrada por uma semana, agredida, estuprada e ameaçada de morte; em Pomerode(SC)

 

 

 

Uma guarnição da Polícia Militar que atendia um assalto neste sábado (18/04/20) em Pomerode (SC), foi acionada para se deslocar à uma residência onde uma mulher pedia socorro e estava com o rosto totalmente roxo. Ao chegarem no local, os policiais constataram que ela apresentava vários hematomas graves no rosto e em outras partes do corpo.

Segundo informações de moradores, ela foi deixada no local por um automóvel Ford Escort bordô que fugiu assim que a vítima começou a gritar por socorro. A mulher disse que foi sequestrada por um homem antes da Páscoa e permanceu em cárcere privado durante uma semana. Ela é moradora de Timbó (SC), e seu ex-marido, que acusava de ser o sequestrador, tinha bastante dinheiro e mora em Pomerode.

A vítima informou que sofreu agressões físicas, ameaças de morte, e que se ela fizesse algo ou envolvesse a polícia, o sequestrador iria matar todos os filhos. Além disso, também alegou ter sido estuprada diariamente.

Os policiais acionaram os Bombeiros Voluntários, que prestaram os primeiros socorros e levaram a mulher para receber atendimento no Hospital e Maternidade Rio Testo. Na unidade hospitalar, foi acionado o Instituto Geral de Perícias (IGP), onde foi orientado ligar ao Instituto Médico Legal (IML), que por sua vez disse que não iria ao hospital e a vítima deveria se dirigir se dirigir até lá para fazer o exame de corpo de delito.

O médico plantonista do Hospital Rio Testo, examinou a vítima e expediu um diagnóstico do que foi constatado no exame. A vítima foi orientada a como proceder quanto os exames que devem realizados no IML. A Polícia Civil deve abrir um inquérito para investigar o que aconteceu e depois tomar as providências legais para prender o responsável por tanta crueldade.

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top