terça-feira, 25 janeiro 2022
InícioEntretenimentoMorre aos 85 anos, Cauby Peixoto, um dos grandes nomes da era...

Morre aos 85 anos, Cauby Peixoto, um dos grandes nomes da era de ouro do rádio

Foto: divulgação
Foto: divulgação

 

Às 23h50min deste domingo (15/5/16), morreu aos 85 anos, um dos maiores intérpretes da música brasileira, após não resistir a um quadro de pneumonia. Cauby Peixoto estava internado desde o dia 9 de maio no Hospital Sancta Maggiore, no Itaim Bibi, na zona sul de São Paulo (SP).

Foram 65 anos de carreira, com sucessos marcantes como Blue Gardenia, Conceição, Mil Mulheres, Bastidores, New York, New York e Nada Além. O artista é considerado um dos grandes nomes da chamada “era de ouro do rádio”, entre os anos de 1930 e 1960, mas pouco conhecido das novas gerações.

Cauby Peixoto Barros nasceu em 10 fevereiro de 1931, na cidade de Niterói (RJ) e cresceu em uma família de artistas. Trabalhou no comércio até começar a participar de programas de calouros no fim da década de 40, como a Hora dos Comerciários da Rádio Tupi. Gravou o primeiro disco pelo selo Carnaval, em 1951, com o samba Saia branca, de Geraldo Medeiros, e a marcha Ai, que carestia!, de Victor Simon e Liz Monteiro.

Ao completar os 83 anos em 2014, fez uma promessa: “Só paro de cantar quando eu morrer”. Cumpriu a promessa, porque atualmente fazia turnê pelo Brasil com a cantora Angela Maria, amiga de longa data. No dia 03 de maio os dois ainda se apresentaram no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

O corpo está sendo velado na Assembleia Legislativa de São Paulo (SP), no Parque do Ibirapuera, onde recebe o carinho dos fãs. O sepultamento ocorrerá no fim da tarde, no Cemitério Congonhas.

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS