terça-feira, 28 setembro 2021
InícioGeralMesmo com 34 mortes por afogamento em SC, houve redução de 12,82%

Mesmo com 34 mortes por afogamento em SC, houve redução de 12,82%

Quase todos foram de homens com idade média de 33 anos. Os dados fazem parte do balanço da Operação Veraneio 2020/2021 do Corpo de Bombeiros.

Entre os dias 18 de dezembro e (2020) em 21 de fevereiro (2021), ocorreu a Alta Temporada da Operação Veraneio do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina.

Foram empregados 1.500 guarda-vidas, distribuídos em 246 postos fixos e 196 cadeirões em todo litoral. A equipe do helicóptero Arcanjo 03 atendeu 121 ocorrências, de um total de 2.366 salvamentos e resgates.

Segundo balanço da instituição, houve uma redução de 12,82% no número de afogamentos em relação ao mesmo período do ano passado. O perfil das mortes mantém o mesmo padrão da última temporada, em que a maioria dos 31 óbitos foram de pessoas do sexo masculino.

Apenas três mulheres perderam a vida afogadas. A média da faixa etária é de 33 anos.

Dos 34 afogamentos seguidos de mortes, 18 aconteceram em água doce, como rios, cachoeiras, etc… No mar, ocorreram 16, apenas dois a mais. Em cinco casos, foram em áreas privadas.

O número de crianças perdidas durante a alta temporada foi de 764. Infelizmente também 5.292 pessoas sofreram lesões causadas por águas vivas.

Agora inicia a chamada pós-temporada, em que os postos de guarda-vidas serão gradativamente desativados, mantendo serviços aos finais de semana e feriados, exceto aqueles que possuem o serviço o ano todo.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS