terça-feira, 30 novembro 2021
InícioEstadualMais de 20 anos de prisão para réu que torturou e matou...

Mais de 20 anos de prisão para réu que torturou e matou vítima por dívida de drogas

Julgamento, no salão do Júri da comarca da Capital, encerrou por volta das 17h30min desta terça-feira | Foto: Fabrício Severino/Assessoria de Imprensa TJSC

 

A juíza Mônica Bonelli Paulo Prazeres, da Vara do Tribunal do Júri da comarca da Capital, presidiu nesta terça-feira (13/11/18) a sessão que condenou um homem por homicídio duplamente qualificado, com requintes de crueldade, acrescida dos delitos de corrupção de menores e ocultação de cadáver.

O homem recebeu uma pena de 21 anos e quatros meses de reclusão, em regime inicialmente fechado. Ele já estava preso no presídio de Florianópolis desde agosto de 2016, onde ficará mesmo que sua defesa venha com recurso contra a decisão.

A tese acolhida pelos jurados e sustentada pelo Ministério Público aponta que o réu, acompanhado por um menor, foi o responsável pelo assassinato de um homem na praia dos Ingleses, norte da Ilha, em 2016. Uma dívida por conta de 20 gramas de cocaína foi o motivo do crime. O réu teria recebido ordens de terceiros para dar um corretivo no devedor.

O homem foi torturado e chegou a levar um tiro na cabeça antes de ser enterrado nas dunas dos Ingleses. Posteriormente, o laudo de necrópsia apontou a presença de areia nos pulmões da vítima, fato que revela que ela ainda estava viva quando foi atirada na cova improvisada nas dunas e coberta com areia. O julgamento integra a programação do Mês do Tribunal do Júri, desenvolvido pelo CNJ em todo o país.

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS