quarta-feira, 1 dezembro 2021
InícioEventosMaior festival cervejeiro da América Latina termina neste sábado (14/03)

Maior festival cervejeiro da América Latina termina neste sábado (14/03)

 

 

 

 

Fotos: Daniel Zimmermann e Heloísa Bechauser

Este sábado (14/03/20) será a última oportunidade de conhecer os diferentes rótulos no Festival Brasileiro da Cerveja. Só nos primeiros dias, mais de 12,9 mil pessoas passaram pelos Setores 1 e 2 do Parque Vila Germânica, aumento de 6% em relação aos dois primeiros dias de evento no ano passado.

 

 

Hoje (15) o evento vai das 15h até à 1h e os ingressos podem ser adquiridos diretamente na bilheteria, que fica no próprio parque. A bilheteria abre às 14h e o ingresso custa R$ 36,00.

São mais de mil rótulos à disposição. Em muitos dos estandes há cerca de 40 torneiras com diferentes estilos, desde cervejas ácidas, doces e amargas. Algumas levam frutas na sua composição, outras envelheceram por alguns meses em barricas de madeiras. A Catharina Sour, único estilo brasileiro reconhecido internacionalmente, marca presença e mostra que, cada vez mais, o público aprecia uma cerveja excêntrica. A IPA, estilo que só fica atrás da tradicional Pilsen em vendas no país, também aparece em muitas variações.

 

 

De acordo com o presidente da Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (Ablutec), Develon da Rocha, os números animam, mas o foco da organização é em entregar qualidade. “Ficamos felizes pelo feedback positivo que estamos recebendo do público. A nossa missão como Capital Brasileira da Cerveja é promover um evento que ofereça, acima de tudo, qualidade”, afirma.

O evento se destaca pela programação musical que neste sábado terá oito atrações musicais: Maskavo, Tequila Baby, Star Beetles, Terra Celta, Gazú, Pororoca, Família Oliveira e Laskeras. Ontem à noite subiram nos palcos as bandas Vintage Cult, Eu e Minha Banda, entre outras. E se bater a fome, há 60 opções gastronômicas que garantem harmonizações memoráveis.

Para o casal Luciano Muziol de Oliveira e Camila Trevisan, de Itajaí (SC), o Festival é uma oportunidade única de conhecer as últimas novidades relacionadas à bebida. “O principal motivo para virmos é a variedade de cervejas de qualidade para provar. O legal é saber o que tem de novo, o que os especialistas indicam”, afirma Luciano. Segundo ele, uma boa forma de se guiar em meio a tantas opções é ir atrás dos medalhistas do Concurso Brasileiro de Cervejas, que ocorre antes do evento começar. Para ajudar a provar mais estilos, estão disponíveis doses de 100ml, 200ml e 300ml nos estandes.

 

 

O britânico Ron Pattinson foi um dos jurados do Concurso Brasileiro de Cervejas. Pela primeira vez no país, ele está encantado com o tamanho do evento e do próprio mercado cervejeiro. “Na competição estive provando as amostras sem saber de onde vinham. Agora que o evento começou, quero conhecer todos os rótulos que estavam concorrendo”, conta.

Cervejarias de seis estados e do Distrito Federal participam do Festival. A designer mineira Bárbara Machado se mudou para Blumenau em abril do ano passado. Em sua primeira noite no evento, pretende visitar algumas das marcas de sua terra natal: “Já conhecia a Oktoberfest, mas nunca tinha ouvido falar do Festival até me mudar para cá. Soube que tem muita cerveja boa, diferente, e tenho certeza que vou me surpreender”.

O Festival Brasileiro da Cerveja é uma realização da Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (Ablutec), com patrocínio de Agrária, Angeloni, Fruki e Memo.

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS