segunda-feira, 25 janeiro 2021
Início Clima Jovem de Blumenau está entre as 11 vítimas já identificadas pelo IGP...

Jovem de Blumenau está entre as 11 vítimas já identificadas pelo IGP na enxurrada de Presidente Getúlio (SC)

A identificação dos corpos está sendo feita pela digital, coletada pelos papiloscopistas e eles fazem em seguida o confronto digital.

15:58

O Instituto Geral de Perícias de Santa Catarina (IGP/SC) informa que equipes do Instituto Médico-Legal (IML) está atuando em Presidente em Presidente Getúlio, após a forte chuva que atingiu o estado na noite de quarta-feira (16/12/20).

Até as 22h desta quinta-feira (17) foram identificados 11 corpos:

1 – Pâmela Tais Miranda, 19 anos, natural de Blumenau.
2 – Francieli Hamm Wiese, 34 anos, natural de Ituporanga.
3 – Uma criança ( Conforme o Art. 143 do ECA não iremos divulgar a identificação e nem demais dados de crianças)
4 – Vera Kloth, 48 anos, natural de Presidente Getúlio
5 – Alexia Correa do Nascimento, 19 anos, natural de Brusque
6 – Daniel Wiese, 44 anos, natural de Presidente Getúlio
7 – Dieter Wiese, 50 anos, natural de Presidente Getúlio
8 – Elsa Hilma Wiese, 82 anos, natural de Presidente Getúlio
9 – Lourdes Sehnem, 57 anos, natural de Presidente Getúlio
10 – Lino Leopoldo Sehnem, 89 anos, natural de Imaruí
11 – Andrei Rangel Bozan, 28 anos, natural de Presidente Getúlio

A identificação dos corpos está sendo feita pela digital, coletada pelos papiloscopistas e eles fazem em seguida o confronto digital. O IGP está fazendo atendimento aos familiares no ginásio de Esportes Pereirão, com o apoio da Secretaria de Saúde do Município, através de psicólogos e assistentes sociais.

Foram mobilizadas equipes do IGP de Florianópolis, Rio do Sul, Blumenau, Lages, Curitibanos e Jaraguá do Sul. Entre os profissionais envolvidos na ação estão: Médicos Legistas, Auxiliares de Medicina Legal, auxiliares criminalísticos, peritos criminais, papiloscopistas e ainda servidores do setor de antropologia para o reconhecimento dos corpos.

Fonte: IGP/SC

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br
 
 
 
 
 

MAIS LIDAS