segunda-feira, 18 outubro 2021
InícioGeralJaneiro deve ter alta incidência de temporais com raios, granizo e ventania,...

Janeiro deve ter alta incidência de temporais com raios, granizo e ventania, em Santa Catarina

 

 

 

Foto: Marcos Porto

 

O verão começou oficialmente à 1h19min de domingo (22/12/19) e termina no dia 20 de março (sexta-feira), quando inicia o outono. De acordo com dados divulgados pelo Epagri CIRAM, os próximos 3 meses serão de chuva dentro da média climatológica em Santa Catarina, ou sem, nem seco demais, nem chuvoso.

A previsão é de muito calor, trovoadas com pancadas de chuva frequentes, principalmente na tarde e noite, com valores mais significativos em algumas localidades. Dias consecutivos de chuva poderão alternar com períodos de dias mais secos.

As próximas informações foram o resultado do último Fórum Climático (EPAGRI/CIRAM e IFSCE), que se reúne a cada trimestre. O boletim foi elaborado pelos meteorologistas Marilene de Lima e Clóvis Corrêa.

 

Bairro Velha (16/01/2019) | Foto: Helena Cristina Mayer

 

Segundo o fórum, janeiro é o mês que mais preocupa. A previsão aponta alta a incidência de temporais com raios, granizo e ventania em todo estado. Por vezes chover um volume muito grande de água em um curto espaço de tempo, principalmente entre a tarde e noite, mas por vezes na madrugada.

 

Ituporanga

 

A média mensal deve ficar entre 150 e 190 mm do Oeste ao Planalto e no Litoral Sul, chegando a 200 e 250 mm na Grande Florianópolis e Litoral Norte, em janeiro. Em fevereiro, a média mensal é de 150 a 170 mm no Planalto e chega e 190 a 210 mm no Oeste, Meio Oeste e no Litoral.

 

Bairro Água Verde (21/02/2019) | Foto: Alexandre Correia

 

A partir da segunda quinzena de março, as chuvas de verão (convectivas) diminuem. As frentes frias devem chegar com maior frequência ao Sul do Brasil e serão responsáveis pela maior parte da chuva, com média mensal entre 100 e 130 mm do Oeste ao Planalto, variando de 150 a 210 mm no Litoral.

Essas frentes também influenciarão o volume de chuva no trimestre, que será mais intensa no Oeste, e de Laguna ao norte (Grande Florianópolis e Litoral Norte), principalmente em janeiro e fevereiro. No primeiro mês do ano, as condições atmosféricas são pouco favoráveis aos ciclones extratropicais no litoral Sul brasileiro.

 

Arte: Claus Jensen | OBlumenauense

 

Temperatura

Nos três meses do verão, a temperatura deve ficar acima da média climatológica. As massas de ar quente atuam com frequência e são esperadas pelo menos duas ondas de calor com temperatura alta durante alguns dias consecutivos, principalmente em janeiro em anos de neutralidade.

Ressalta-se que podem ocorrer episódios isolados com temperatura mais baixa na madrugada e amanhecer, com geada fraca e isolada nas áreas altas do Planalto Sul.

 

Temperatura da Superfície do Mar (TSM):

No mês novembro de 2019 as águas no Pacífico Equatorial apresentaram valores de anomalia positiva de TSM, de 1,0°C a 1,5°C (Figura 1), com valores mais baixos próximo da costa do Peru. Nos dias 08 a 14/12 (Figura 2), foi observada anomalia muito próxima da média com valores próximas de 0,5°C, mais elevada próximo à costa do Peru. A previsão é de persistência da Neutralidade no próximo trimestre, sem influência dos fenômenos El Niño e La Niña.

 

Figura 1 – Anomalia da TSM nos oceanos Atlântico e Pacifico, em novembro de 2019.

 

Figura 2 – Anomalia da TSM noPacifico e Atlântico, nos dias 08 a 14 de dezembro de 2019.

 

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS