Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Itajaí começa a realizar testes rápidos em servidores e profissionais da saúde

 

 

 

Foto: Marcos Porto [Prefeitura de Itajaí]

 

Itajaí começou a realizar na quarta-feira (15/04/20) testes rápidos para detecção da COVID-19 em profissionais de saúde. A cidade recebeu 300 testes do Governo do Estado, 100 deles foram destinados para os profissionais de saúde do Hospital Marieta Konder Bornhause e outros 200 para os servidores do município.

No primeiro dia de testagem, foram aplicados 15 testes rápidos em servidores. Deste total, 14 tiveram resultados negativos e um profissional testou positivo. O homem de 42 anos é um profissional de saúde do município que viajou aos Emirados Árabes e apresentou sintomas da doença ao retornar à cidade, em março. Ele ficou em isolamento domiciliar por 14 dias e já recebeu alta.

Com a confirmação, o Município chegou a 40 pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Entre os casos já confirmados de coronavírus, 31 pacientes estão recuperados, cinco estão em isolamento domiciliar, dois seguem internados em Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) e dois evoluíram a óbito.

 

Como funciona o teste rápido?

Os testes rápidos da Secretaria de Saúde estão sendo feitos no antigo Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), ao lado do Laboratório Municipal, no Centro Integrado de Saúde (CIS), no bairro São Vicente. O agendamento é feito com a Vigilância Epidemiológica de Itajaí pelo e-mail agendamentocovid@itajai.sc.gov.br. A testagem é destinada a profissionais de saúde, de salvamento e da área da segurança pública.

Esse tipo de teste rápido só é feito a partir do 8º dia do aparecimento dos sintomas da doença, pois ele detecta apenas os anticorpos que o corpo produziu para combater o vírus. Por isso, é necessário aguardar este período para garantir a confiabilidade do teste rápido. O resultado sai entre 15 e 20 minutos.

Os profissionais que apresentam sintomas são afastados por 14 dias. No oitavo dia, eles devem buscar a Vigilância Epidemiológica para realizar o teste. Se o resultado for negativo, o profissional está apto para voltar ao trabalho. Caso seja positivo, aguardará o fim do período de 14 dias de isolamento ou até não ter mais sintomas da doença.

Se o paciente fizer o teste antes do 8º dia de sintomas, a coleta do exame será com swab. Neste caso, o resultado demora em média três dias para ser analisado pelo Laboratório Central de Saúde Pública (LACEN).

Fonte: Prefeitura de Itajaí

Posts relacionados

Top