quarta-feira, 12 maio 2021
Início Geral Homem é preso em Rio do Sul, suspeito de matar mulher após...

Homem é preso em Rio do Sul, suspeito de matar mulher após discussão e ocultar o corpo

 

A Polícia Civil de Santa Catarina, através da DIC – Divisão de Investigação Criminal de Rio do Sul, prendeu na tarde deste domingo (25/02/18), Ivan Meyer,  de 26 anos. Ele era companheiro de Bárbara Cristina Faes, e segundo a DIC, teria confessado matá-la após uma discussão.

A mulher estava desaparecida desde a noite de sexta-feira (23), quando a Polícia Civil de Rio do Sul começou a investigar o caso. As diligências foram realizadas durante todo o final de semana. Na tarde de hoje (25), o companheiro da vítima foi levado pelos policiais até a delegacia para ser interrogado, já que era suspeito de ter matado Bárbara e depois ocultado o corpo.

Segundo a DIC de Rio do Sul, além de confessar o crime, o homem indicou o local onde teria abandonado o corpo. Com a ajuda do Corpo de Bombeiros, Instituto Geral de Perícias e de policiais da Delegacia de proteção à mulher, o corpo da vítima foi localizado e resgatado em um matagal na Serra Taboão, em Rio do Sul.

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito revelou que discutiu com Bárbara no apartamento do casal, brigou, ameaçou e por fim teria desferido um golpe na cabeça da vítima, utilizando um utensílio da cozinha. Em seguida amarrou a vítima, colocou no porta-malas do carro se dirigiu até o bairro Taboão, onde jogou o corpo em uma ribanceira.

Após retornar para casa e buscar o seu aparelho celular, ele ainda foi à sogra, onde contou que Bárbara teria saído para caminhar sozinha e não voltou mais. Os familiares começaram a procurar por ela, inclusive buscando ajuda nas redes sociais e registrando o Boletim de Ocorrência, que desencadeou a investigação. O casal tem um menino de 2 anos que agora fica órfão de mãe.

As fotos de Marcos Fernandes mostram o local onde o corpo foi encontrado.

 

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS