sábado, 22 janeiro 2022
InícioEntretenimentoGratuita e colaborativa, Casa de Noca apresenta "A Feira!"

Gratuita e colaborativa, Casa de Noca apresenta “A Feira!”

A_Feira_cartazNeste sábado (28/5/16), acontece em Florianópolis,  a primeira edição do “Noca Fora de Casa – A FEIRA”! Gratuita e colaborativa a proposta é multicultural e para todas as idades. Quem estiver indo para a capital catarinense nesse feriadão, pode curtir o encontro no Babilonya Club que começa às 14h e segue noite adentro. Vai ter teatro, infantil, música, gastronomia e uma miscelânea de expositores.

Gratuito e colaborativo

Manteremos as portas abertas, mas pedimos uma colaboração, que não é obrigatória – mas muito bem-vinda. Acreditamos que, com o apoio de todos, conseguiremos pagar os custos e promover um evento abrangente e democrático. O valor é livre! A colaboração pode ser dada na portaria de entrada (em dinheiro ou cartão) ou pelo site: www.gorockbee.com/nocafeira.

No palco, teremos o espetáculo “Atrapalhaços”, da cia. Atrapa Trupe, o grupo de percussão feminino Cores de Aidê, a chorinho e música instrumental brasileira do grupo Quex-Quex, o reggae da banda Angatu e o projeto Jazz na Cova! A varanda será a parada dos expositores e o estacionamento será nossa praça de alimentação.

Para saber quem vai expor, vale acessar o evento no Facebook.

Programação:

  • 14h – Abertura
  • 15h – “Atrapalhaços”, cia. Atrapa Trupe
  • 16h – Quex-Quex (chorinho e música instrumental brasileira)
  • 19h – Cores de Aidê
  • 20h40 – Angatu Roots
  • 23h – JaZz na Cova

Sobre as atrações:

 

Banda_Atrapalhacos

 

# Atrapalhaços, cia. Atrapa Trupe | Classificação Livre #

Atrapalhaços é a chegada de três palhaços viajantes que estão a procura do melhor lugar para sua próxima apresentação.
Entre esquetes clássicas e números autorais, os atrapalhados Boró, Chicoza e Flor, vão se revelando numa troca direta com o público. Convidando a todos para o riso num mergulho no universo lúdico e subversivo do palhaço.

 

# Quex-Quex #

Mesclando o tradicional com o moderno, o quarteto se aventura em diferentes linguagens sugeridas por seus instrumentos e referências. Composto por Alysson Marques (violão), Vito Lorenzoni (flauta e sax), Lagartixa (bateria), Chong (cavaquinho, clarinete e bandolim) o conjunto apresenta músicas para ouvir e dançar. O repertório inclui choros, maxixes, baiões, xotes e sambas de compositores brasileiros.

 

# Cores de Aidê #

Cores de Aidê nasceu no dia 21 de fevereiro de 2015, no Morro do Quilombo, em Florianópolis. Um grupo de mulheres se uniu para viver a arte e mergulhar no universo percussivo do Samba Reggae. A partir dessa influência afro brasileira, surgiram composições próprias, arranjos, coreografias e principalmente relações baseadas na liberdade e no respeito a união de etnias.

 

Banda_Angatu

 

# Angatu Roots #

O grupo foi criado em 2013 por Pedro Angi e Cristian Jonatan Rocha Montes – fundadores também da CULTIVO. A música Reggae é a matriz e veículo de sintonicidade da mente em uma atitude positiva, facilitar a abertura emocional e contribuir para a elevação da consciência. Recentemente o grupo lançou o álbum “A Vida Que Eu Sempre Quis” (OUÇAM!)

# JaZz na Cova #

Uma noite que propõe de uma maneira divertida e descontraída um encontro de músicos, apreciadores e/ou entusiastas do jazz, da música instrumental brasileira e da improvisação para fim de estudos, experimentações, trocas e celebração. O projeto que se iniciou em 2015 na Cova Funda (*Rio Tavares). Esse encontro itinerante, tem confirmado na cozinha, Trovão Rocha (Baixo), Lucas Martinez (Guitarra), Jesus Leoneti e Martin Bustingorri (Bateria).

“Noca Fora de Casa – A Feira!”, com AtrapaTrupe, Angatu, Jazz na Cova e Quex-Quex
Sábado (28/5), a partir das 14 horas
Babilonya Club – Av. Pref. Acácio Garibaldi São Tiago 1643, Florianópolis (estrada para Joaquina)
Gratuito e colaborativo

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS