terça-feira, 25 janeiro 2022
InícioClimaGovernador assina contrato para aquisição do radar meteorológico do Oeste

Governador assina contrato para aquisição do radar meteorológico do Oeste

Cobertura dos Radares Meteorológicos do Oeste, Sul e Alto Vale do Itajaí
Cobertura dos Radares Meteorológicos do Oeste, Sul e Alto Vale do Itajaí

 

O governador Raimundo Colombo e o novo secretário da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, assinam nesta terça-feira (7/6/16) em Chapecó, o contrato para aquisição do radar meteorológico do Oeste. Ele será instalado na cidade e irá cobrir 42% do Estado, atingindo 138 cidades, sobrepondo uma área do radar de Lontras. A expectativa é de que o equipamento do Oeste comece a operar no primeiro semestre de 2017.

Segundo Colombo, o próximo será no Sul do Estado, quando 100% do território catarinense estará coberto. O investimento para aquisição do equipamento para as duas regiões é de R$ 15 milhões, e inclui compra e instalação. Em Chapecó, ele será instalado no Loteamento Desbravador, já que a área não possuía nenhum ponto de bloqueio para o sinal do radar, conforme exigem as especificações para garantir eficiência. A empresa Selex ES GmbH, da Alemanha, venceu a licitação para construção do equipamento de Chapecó, no valor de R$ 10,5 milhões.

O secretário da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, explicou que, paralelamente à construção do radar que ocorrerá na Alemanha, o Governo do Estado também prepara a construção da torre que irá receber o equipamento. No total, com radar, torre e instalação, os investimentos devem somar R$ 12,5 milhões. “Este novo radar vai ampliar a cobertura de municípios. Ajudará a identificar massas que entram no Estado pelo Paraguai e pela Argentina, apontando, por exemplo, a velocidade e a intensidade de frentes frias antes de elas entrarem em Santa Catarina”, informou Moratelli.

Uma torre de 17 metros, composta por cinco pavimentos, contando com o térreo e laje do radar será construída para receber o radar meteorológico. O prédio será erguido no terreno doado pela Prefeitura de Chapecó à Secretaria de Estado da Defesa Civil, gerando uma economia de aproximadamente R$ 500 mil, além de agilizar o processo de aquisição do equipamento.

 

Cobertura de 100%

Para o radar de Lontras, foram investidos mais de R$ 10 milhões. Sozinho, o aparelho garante a cobertura de quase 80% do Estado, atingindo 192 municípios. A cobertura de 100% será atingida com a operação do terceiro radar, que estará no Sul do Estado, um modelo móvel, com base entre Meleiro e Araranguá, cobrindo 58 municípios. O investimento previsto é de cerca de R$ 2,5 milhões. Por ser móvel, em situações de eventos mais graves, o aparelho poderá atender outras regiões.O Governo do Estado está preparando o edital para compra do equipamento, que deverá ser lançado nas próximas semanas. Após definição do fornecedor, o prazo de entrega previsto é de seis meses.

O equipamento também deve ser concluído ainda no primeiro semestre de 2017. A expectativa inicial para operação dos novos radares é maio de 2017, sendo inaugurados juntos ao novo Centro Integrado de Gestão de Risco e Desastres de Santa Catarina, que está em construção em Florianópolis.

 

Histórico da licitação radar meteorológico

A licitação, na modalidade Concorrência, teve início no dia 29 de março de 2016, com a abertura dos envelopes de habilitação das empresas. Foram habilitadas para participar do processo as empresas Selex ES GmbH (Alemanha) e Enterprise Electronics Corporation – EEC (Estados Unidos).

Houve interposição de recursos, que foram analisados pela Comissão Especial de Licitação. A decisão foi manter habilitadas no processo ambas empresas. No dia 4 de maio, foi feita a sessão de abertura das propostas técnicas. A avaliação apontou aquilo que o quesito técnico precisava e a empresa Selex ES GmbH alcançou uma pontuação de 50 pontos dos 50 possíveis. A empresa Enterprise Electronics Corporation chegou a 45 pontos.

Na sequência, houve a abertura do envelope da proposta de preços, e a empresa Selex apresentou o menor valor.

Fonte: Secom /SC

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS