sábado, 22 janeiro 2022
InícioGeralFuselagem da aeronave que caiu em SC e corpo do piloto ainda...

Fuselagem da aeronave que caiu em SC e corpo do piloto ainda não foram encontrados

Foto: Marcos Fernandes

 

Os mergulhos reiniciaram na manhã desta terça-feira (31/0718), nas áreas apontadas pelo mapeamento com uso de sonar na tentativa de localizar possíveis destroços submersos da aeronave de prefixo PU-OGL, modelo Conquest 180, desaparecida desde sexta (27), entre Navegantes e Itajaí.

Mas uma equipe teve de suspender a atividade a tarde, por causa das péssimas condições de visibilidade marítima. Outra equipe de mergulho ainda continua atuando. Um plano de buscas foi traçado pela equipe do 7° Batalhão de Bombeiros Militar, com sede em Itajaí, para facilitar e ordenar as atividades dos Bombeiros Militares.

De acordo com o planejamento, as áreas de buscas foram delimitadas em duas:

Área 01: com mergulhadores e uso de embarcações com sonar nas imediações de onde a aeronave estabeleceu o último contato com a torre. O local foi mapeado como estando há cerca de 8 quilômetros da costa da praia do Atalaia, em Itajaí, de acordo com as coordenadas geográficas da torre de comando aéreo de Navegantes que estabeleceu o último contato com o piloto, por volta do meio dia.

 

Foto: corpo de Bombeiros de SC

 

Área 02: Além disso, uma varredura superficial com uso de motoaquáticas e embarcações nas áreas litorâneas e costões da região de Itapema e Porto Belo também estão previstas para os próximos dias. De acordo com a previsão meteorológica, a mudança na direção dos ventos nesta terça-feira (31), fará com que os destroços da aeronave comecem a ser arrastados pelas correntes marítimas, para a região costeira. Conforme já aconteceu na noite de segunda-feira (30), com o aparecimento da roda da aeronave nas proximidades da areia da praia de Bombinhas.

 

Foto: corpo de Bombeiros de SC

 

Outros destroços também já foram localizados um dia depois da possível queda, sendo uma mochila e pertences pessoais que foram reconhecidos pela família como sendo do piloto da aeronave. Já no dia 29, na areia de Meia Praia, em Itapema, foram encontrados o trem de pouso e parte da fuselagem.

As informações foram passadas pelo Tenente Daniel Souza Dutra, para a jornalista  Krislei Oechsler, do Centro de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros Militar, e repassadas à imprensa.

 

Foto: OBlumenauense

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS