domingo, 9 maio 2021
Início Economia FCDL/SC resssalta o cuidado dos comerciantes com os protocolos de segurança

FCDL/SC resssalta o cuidado dos comerciantes com os protocolos de segurança

 

 

 

A Federação da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Santa Catarina enviou uma nota sobre o sobre pronunciamento deste sábado (11/04/20) do Governador Carlos Moisés. Além de expressar o alívio pelo reinício das atividades na segunda-feira (13/04/20), ressaltou a importância dos empregadores estarem atentos quanto aos protocolos de segurança para evitar a propagação do Covid-19.

Muitos trabalhadores do comércio estão preocupados em serem contaminados com a doença pela falta da adoção dessas medidas. O setor, assim como tantos outros, irá enfrentar o grande desafio de colocar as contas em dia por causa da falta de faturamento em função dos dias parados.

Confira a nota oficial da FCDL/SC

Nota Oficial

A Federação das CDLs de Santa Catarina considera um alento a liberação do comércio de rua pelo Governador Carlos Moisés da Silva, a partir desta segunda-feira (13/04), diante da situação dramática enfrentada, em especial, pelos empresários de micro e pequeno porte do setor, que representam a espinha dorsal de nossa economia.

É de extrema importância que nos mantenhamos alertas diante dos riscos de agravamento do contágio do novo Coronavírus e reforcemos os pedidos para que os empreendedores atendam aos protocolos de segurança, não apenas como uma obediência legal, mas gerando o bom exemplo para toda a sociedade. Os lojistas de Santa Catarina estarão empenhados em trabalhar a favor do cumprimento das medidas sanitárias que resguardarão todos os que frequentam os ambientes do comércio e de serviços de Santa Catarina.

Também é de fundamental importância registrar que a situação dos lojistas e prestadores de serviços de Santa Catarina é de desespero diante da falta de recursos para honrar a folha de pagamento de seus colaboradores e de absoluta incerteza em relação aos impostos a pagar. A FCDL/SC espera medidas rápidas, claras e definitivas sobre a prorrogação ou parcelamento de impostos e outros compromissos com o erário ou empresas públicas, mediante o entendimento entre a Assembleia Legislativa e a Secretaria da Fazenda.

Estamos diante de uma situação inédita na história da Humanidade e consideramos que o esforço do Governo é em favor da preservação de nossas vidas. A economia será muito prejudicada e poderá comprometer muitas outras vidas. Porém, temos a convicção de que conseguiremos recuperar nossos negócios e os empregos dos catarinenses. A vida humana, por sua vez, é irrecuperável.

Desejamos muita força e fé.

Santa Catarina, 11 de abril, 2020.

A Diretoria

 

Guia de regras de convívio social em tempos de pandemia

 

[slideshare id=231819889&doc=guia-convivio-responsavel-200411175223]

Avatar
O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS