quarta-feira, 20 outubro 2021
InícioSaúdeCoronavírusExame de anticorpos neutralizantes avalia nível de imunização do Sars-Cov-2 no organismo

Exame de anticorpos neutralizantes avalia nível de imunização do Sars-Cov-2 no organismo

O procedimento é feito em Blumenau sob prescrição médica e o resultado leva em torno de 4 horas para ficar pronto.

Mesmo já tendo completado a segunda dose da vacina, sabe-se que é possível ainda contrair a Covid-19. O teste de anticorpos neutralizantes para Coronavírus é uma opção para aqueles que desejam saber como as defesas do organismo reagiram após a vacinação ou contrair a doença.

Ele tem como objetivo analisar se o indivíduo possui anticorpos capazes de neutralizar a entrada do SARS-CoV nas células, podendo evitar a replicação viral e, consequentemente, o adoecimento.

O exame é realizado por meio de uma coleta de sangue venoso, que, posteriormente, passa por um equipamento de análise por imunofluorescência indireta. O resultado leva em torno de 4 horas para ficar pronto.

Segundo o diretor técnico e pneumologista do Hospital Dia do Pulmão de Blumenau, Dr. Mauro Sérgio Kreibich, o resultado pode refletir a imunidade contra a Covid naquele momento em que o teste foi realizado, e contra as variantes testadas no exame.

O médico recomenda que a coleta seja realizada em torno de 1 mês após a vacinação ou em quem já teve a doença. Mas pode ser realizado em qualquer momento na tentativa de refletir o estado de imunidade natural ou adquirida através da vacina.

Por ser uma análise complexa, a leitura do resultado é realizada por um profissional médico. Por este motivo, o paciente deverá possuir prescrição médica para a realização. O teste de anticorpos neutralizantes foi aprovado pela Anvisa e FDA (Food and Drug Administration) e validado internamente pela Dasa (Diagnósticos da América S.A.)

É válido lembrar que a detecção de imunizantes não significa uma imunização total à infecção pelo vírus nem a sua transmissão, inclusive para quem foi vacinado. Por isso, é preciso reforçar a necessidade de manter as medidas de proteção e prevenção, que devem ser seguidas independentemente de você já ter tido a doença ou ter sido vacinado.

 

O Blumenauense
Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

MAIS LIDAS